• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Polêmica Grife brasileira cria estampa na qual diz que "mulher burra" é pleonasmo Marca retirou a camiseta do ar após repercussão negativa

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 28/11/2016 21:25 Atualizado em:

Entre os exemplos de pleonasmo, estão 'subir para cima' e 'descer para baixo'. Foto: Dafiti/Reprodução
Entre os exemplos de pleonasmo, estão 'subir para cima' e 'descer para baixo'. Foto: Dafiti/Reprodução


A loja virtual Dafiti colocou à venda em seu site uma camiseta que cita "mulher burra" como exemplo de pleonasmo. Após reclamações de consumidores, que consideraram o item machista, a página da camiseta foi retirada do ar e a venda, suspensa.

"Exemplos de pleonasmo: subir para cima, descer para baixo, hemorragia de sangue, político ladrão e mulher burra", diz a estampa da camiseta. Em postagem no Facebook, a Dafiti pediu desculpas pelo ocorrido e garantiu que a marca Eiblu, responsável pela peça, foi descrendeciada da loja.

A Dafiti disse ainda que "repudia qualquer tipo de manifestação de preconceito" e que apoia a igualdade de gênero "acima de tudo". De acordo com a loja, a camiseta não teve nenhuma peça vendida.

Confira a nota na íntegra:

Recentemente, a Dafiti tomou conhecimento de um produto com conteúdo ofensivo e, imediatamente, tomou as devidas providências. A marca Eiblu, ex-parceira de marketplace, foi descredenciada e seus produtos foram retirados do ar. Além disso, já iniciamos a reavaliação de todo nosso portfólio para que isso não se repita. A Dafiti repudia qualquer tipo de manifestação de preconceito e discriminação. Somos uma empresa comprometida em oferecer a melhor experiência de compra online, por meio de marcas e serviços que promovam o acesso à moda a todos os consumidores. Acima de tudo, apoiamos a igualdade de gênero e a diversidade. Pedimos desculpa a todas as nossas clientes.



Acompanhe o Viver no Facebook:


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.