• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Moda Dez mandamentos de Costanza Pascolato, a papisa da moda, sobre estilo e comportamento As dicas fazem parte do repertório publicado no livro mais recente da consultora de moda, "Meu caderno de estampas"

Por: Larissa Lins - Diario de Pernambuco

Publicado em: 14/11/2015 16:00 Atualizado em: 13/11/2015 20:05

Costanza Pascolato aproveitou o SPFW para divulgar novo livro. Foto: Reprodução da internet
Costanza Pascolato aproveitou o SPFW para divulgar novo livro. Foto: Reprodução da internet


Costanza Pascolato costuma dizer que não é ela quem vai determinar o que é permitido ou não na hora de escolher que roupa usar. "Sempre digo, aliás, que na moda é proibido proibir. Vejo, por exemplo, mulheres da minha idade felizes da vida usando minissaias, saltos altíssimos ou jeans justérrimos, desconstruindo, à maneira delas, o que antes parecia impossível", observa a papisa da moda no Brasil.

No livro mais recente, Meu caderno de estampas (Editora Planeta, R$ 34,90), porém, Costanza reúne uma série de recomendações sobre comportamento, estilo, moda e bem estar. Fizemos uma releitura livre de dez dessas dicas. Confira:

DICA 1
Em temperaturas quentes, looks totalmente estampados estão “permitidos”, especialmente se envolvem elementos com cores da mesma família, como vermelho com laranja. Pernambucanas, as estampas estão liberadas!

DICA 2
Sabe aquele mito de que o preto emagrece? Ele é verdadeiro. Mais ainda se o preto for fosco, que absorve a luz e reduz a silhueta, ao contrário do preto brilhante, que reflete a luz - muitas vezes onde não desejamos.

DICA 3
Vermelho é, de fato, a cor mais sexy. Exige, porém, moderação: um vestido todo vermelho dispensa, por exemplo, decotes exagerados. O look não deve ficar over.

DICA 4
Aquele bom e velho estilo high and low, que mescla peças sofisticadas a peças de fast fashion, desgastadas, é praticamente tradição no Brasil. A recomendação é misturar roupas activewear (esportivas) com roupas clássicas, como calça de alfaiataria com camiseta esportiva e tênis de corrida.

DICA 5
Comprar calças de número inferior ao adequado ao corpo é um erro. A dica de Costanza é: se não conseguir se sentar com a calça, não compre.

DICA 6
Jeans azul básico e camiseta branca de algodão são indispensáveis. Servem para várias ocasiões, basta combinar acessórios diferentes.

DICA 7
No Brasil, combinar peças verdes com peças amarelas remete à Copa do Mundo, ao patriotismo e à bandeira nacional. Melhor substituir um dos tons por outro da mesma família, como laranja ou dourado (no caso do amarelo).

DICA 8
Se tiver que optar por um único tom de roupa, escolha o preto. É a cor mais sóbria, que cai bem nas mais diversas ocasiões, com acessórios e calçados diferentes. A maquiagem também contribui para fazer do preto uma cor mais sensual, mais formal ou até mais descontraída.

DICA 9
As estampas de caveiras, que ganharam as vitrines e prateleiras nacionais há algumas temporadas, devem ser usadas somente se representarem seu estilo. Como qualquer outra tendência, parecem “forçadas” quando não combinam com quem usa.

DICA 10
Estampas étnicas, por outro lado, combinam com qualquer mulher, especialmente em tons naturais, como vermelho urucum, amarelo açafrão e ocre. Étnicas em tons escuros também são versáteis.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.