• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
6 dicas Veja como cuidar de unhas quebradiças e amareladas A consultora técnica da BeautyB, Patricia Maria de Almeida Pires, explica que é necessário evitar lixar as unhas quando estão fracas e não tirar toda a cutícula quando estão amareladas

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 23/03/2018 09:07 Atualizado em: 23/03/2018 09:26

"Nossa pele, cabelos e unhas são uma espécie de espelho do corpo, refletindo saúde e dando sinais quando algo não está bem". Foto: Reprodução/Internet
"Nossa pele, cabelos e unhas são uma espécie de espelho do corpo, refletindo saúde e dando sinais quando algo não está bem". Foto: Reprodução/Internet

O universo da beleza inclui cuidados que vão além de fatores externos e uma alimentação adequada é o principal deles. Isso acontece quando falamos das nossas unhas, como alerta a consultora técnica da BeautyB, rede de serviços de sobrancelhas e unhas, Patricia Maria de Almeida Pires. "Nossa pele, cabelos e unhas são uma espécie de espelho do corpo, refletindo saúde e dando sinais quando algo não está bem. Quando as unhas ficam fracas e quebradiças é um sinal de falta de vitamina, e as amareladas, além de falta de nutriente, podem indicar que há fungos no local", explica a consultora. De acordo com ela problemas renais, na tireóide e anemia podem ser causadores de unhas fracas e amareladas também.

E quando a unha está quebradiça o ideal é:
1. Evitar lixar sobre elas e utilizar base com cálcio para fortalecê-las.
2. Manter uma dieta rica em proteínas, nutrientes e vitamina A - o que é muito importante para mantê-las saudáveis.
3. O alongamento de unhas também é uma ótima opção para unhas quebradiças, pois os componentes presentes no gel ajudam as unhas naturais a crescerem mais saudáveis.

Já para as unhas amarelas:
1. O problema de unhas amareladas é quase sempre causada por fungos ou alergias de alguns produtos.
2. Então, o ideal é sempre utilizar luvas para qualquer procedimento em casa, por exemplo. Evitar também retirar totalmente a cutícula, pois elas protegem as unhas e evitam a penetração de bactérias.
3. Utilize esmaltes livres de formoldeído e tolueno, que são compostos químicos presentes na composição de esmaltes e causam alergias na maioria das pessoas.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.