• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Moda e design autoral Terceira edição do Espaço Bora! de Carnaval abre inscrições A loja pop up de peças e adereços carnavalescos será realizada a partir do dia 5 de janeiro no Paço Alfândega

Por: Aline Ramos

Publicado em: 15/12/2017 08:00 Atualizado em: 14/12/2017 09:10

Projeto selecionará 40 marcas com produção voltada para os dias de folia. Foto: Luis Vitor/Divulgação
Projeto selecionará 40 marcas com produção voltada para os dias de folia. Foto: Luis Vitor/Divulgação

O Espaço Bora! de Carnaval chega a sua terceira edição no próximo dia 5 de janeiro, fomentando mais uma vez a produção de marcas de design autoral específica para as festividades de fevereiro, uma das mais esperadas no início do ano. Em processo de montagem, a loja pop up está com inscrições abertas para seleção de marcas pernambucanas autorais de moda, decoração e acessórios com produção carnavalesca. Os interessados podem mandar e-mail com fotos de produtos e pequena apresentação da marca para eventobora@gmail.com. A seleção reunirá 40 marcas para o espaço, que funcionará até a quarta-feira de cinzas (14 de fevereiro), no Paço Alfândega.

 

Há dois anos, o Espaço Bora! de Carnaval vem reunindo marcas que focam exclusivamente na produção para as festividades momescas ou que produzem coleções especiais para este período. Os blocos, muitas vezes, dão a tônica ao que é produzido, mas as combinações de cores, fantasias, cortes específicos e tecidos como o lamê e o tule resultam em diversas formas de se vestir para o Carnaval, desde os bailes mais formais até a intensa comemoração nas ruas de Olinda.

 

"A nossa proposta é reunir marcas de moda ou produtos que tenham preparado coleções exclusivas e com tema de carnaval em um espaço pensado especialmente para essas festividades. Para esse ano, as expectativas são as melhores possíveis, porque o período carnavalesco é uma excelente oportunidade para os empreendedores locais e seus negócios e ainda um modo de ganhar visibilidade e aparecer para outros públicos", comenta Eduardo Amorim, designer, idealizador e coordenador da feira.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.