• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Borde os cabelos Corte bordado: o fim das pontas duplas sem mexer no comprimento O especialista Abraão Pacheco explica os benefícios e o passo a passo da técnica recomendada para todos os tipos de fios

Por: Aline Ramos

Publicado em: 04/04/2017 10:38 Atualizado em: 04/04/2017 14:58

A técnica retira cerca de um milímetro do comprimento dos fios e não cria camadas, franjas ou novos cortes. Foto: Peu Ricardo/DP (Peu Ricardo/DP)
A técnica retira cerca de um milímetro do comprimento dos fios e não cria camadas, franjas ou novos cortes. Foto: Peu Ricardo/DP

Que levante a mão quem nunca disse as seguintes palavras para o cabeleireiro: “Só quero tirar as pontinhas”. Mas nem sempre, o simples pedido foi atendido e, na maioria das vezes, saímos com o cabelo mais curto que o desejado. Uma técnica antiga garante a eliminação da Tricoptilose – mais conhecida como pontas duplas -, sem precisar alterar o comprimento e a forma dos fios. São separadas mechas finas, que são torcidas ou presas entre os dedos, as pontas que ficam para cima são cortadas com uma tesoura ou vela. No entanto, a tecnologia deu uma ajudinha e o processo, antes demorado, pode ser realizado em cerca de 30 minutos com uma máquina específica, a Split Ender.

“O corte bordado é um tipo de tratamento para o cabelo que retira as pontas tanto das extremidades quanto da parte interna. O procedimento com vela ou tesoura é mais demorado e não é tão eficaz. Para otimizar este trabalho, o ideal é utilizar a Split Ender, que possui lâminas rotacionais e pentes que arqueiam as pontas para dentro do gatilho da máquina, retirando todas pontas ao serem introduzidas no equipamento”, explica o especialista da Ronnie Cabelereiros, Abraão Pacheco.

Segundo o hair stylist, não há restrições para realizar essa técnica. “É uma ótima alternativa para quem deseja se livrar do ressecamento em decorrência de procedimentos químicos como coloração, progressivas ou para quem tem o hábito de escovar ou chapear o cabelo de forma excessiva. Para quem possui fios encaracolados, é necessário escová-los previamente para que a máquina possa atuar com mais precisão e ao final do tratamento, a cliente obtenha cachos mais definidos e saudáveis”, pontua.

Um excelente aliado para não perder o crescimento das madeixas, o corte com a Split Ender retira cerca de um milímetro do comprimento dos fios e não cria camadas, franjas ou novos cortes, ela faz uma limpeza deixando os fios espelhados e sedosos. “Feito o procedimento do corte bordado, recomenda-se fazer apenas hidratações semanalmente, que já é essencial para a saúde de qualquer cabelo. É importante frisar que, o corte bordado deve ser executado por profissionais que estejam aptos a utilizar o equipamento para não haver danos”, afirma.

De acordo com Abraão, são realizados no Ronnie Cabeleireiros, uma média de 80 cortes bordados por mês. “Essa técnica demora de 20 a 30 minutos, a depender do tamanho e volume do cabelo. A manutenção deve ser feita como coadjuvante para impedir que as madeixas fiquem com aspecto feio e ressecado a longo prazo. Aqui no salão o corte bordado tem um valor fixo de R$ 70 reais”, completa.

O resultado é percebido logo após a realização do corte bordado. Foto: Peu Ricardo/DP (Peu Ricardo/DP)
O resultado é percebido logo após a realização do corte bordado. Foto: Peu Ricardo/DP
>> Para não restar dúvidas


BENEFÍCIOS
-Elimina as pontas duplas, estragadas e frizz;
-Não altera o comprimento e o corte do cabelo;
-Dá leveza e movimento aos fios;
-Os fios desembaraçam com mais facilidade;
-Os cabelos ficam mais macios ao toque;
-Para as cacheadas, os cachos ficam mais definidos;
-Previne o afinamento capilar (cabelo funil).

TRICOPILOSE
Também conhecida como pontas duplas, a tricoptilose é uma maneira que o corpo encontra para avisar que a saúde dos cabelos está com problemas. Trata-se de uma condição que incomoda muitas mulheres, mas que pode ser evitada com ações básicas no dia a dia. Para entender a tricoptilose, inicialmente, é importante saber que o fio do cabelo é composto por três partes, as quais ficam seladas quando o cabelo está completamente hidratado e saudável. São elas a medula, o córtex e a cutícula – essa última é a camada que fica exposta. Quando acontece o ressecamento dos fios ou a desnutrição do cabelo, as camadas se abrem e acabam por deixar as partes internas expostas. Isso gera uma quebra, fazendo com que o fio possa se abrir em duas partes, criando a tricoptilose. Para evitar, basta apostar numa alimentação balanceada e na ingestão de muito líquido, pelo menos dois litros de água por dia. Isso é fundamental para manter a vitalidade das madeixas.

HIDRATAÇÃO É TUDO
Os finalizadores ajudam a selar temporariamente a cutícula dos fios e, com isso, camuflam as pontas duplas. Para minimizar o problema, são indicados produtos com ativos como silicone, aminoácidos, queratina e óleo de argan. E para fortalecer o cabelo, hidratações semanais – que podem ser feitas em casa ou no salão de beleza.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.