Especial Dia do Macarrão: Chef Robson Lustosa ensina receita com ingredientes típicos da Venezuela País ocupa o segundo lugar no ranking dos que mais consomem macarrão

Por: Katarina Bandeira

Publicado em: 27/10/2015 09:00 Atualizado em: 27/10/2015 21:35


Chef Robson Lustosa cria prato que mistura penne, feijão, frango e bananas. Fotos: Rafael Martins/ Esp. DP/ D. A. Press
Chef Robson Lustosa cria prato que mistura penne, feijão, frango e bananas. Fotos: Rafael Martins/ Esp. DP/ D. A. Press

Uma região de sabores fortes, que mistura elementos tanto da culinária mediterrânea europeia quanto dos povos indígenas que a habitavam antes de sua colonização (feita pela Espanha). É assim que a Venezuela conquista o paladar de quem se aventura por suas iguarias. Com uma gastronomia que tem como ingredientes principais alimentos como milho, feijão e banana, acompanhados sempre de alguma proteína, o país também investe em temperos como a pimenta e a cúrcuma (o açafrão da terra).

Apesar de não ter o macarrão como um de seus alimentos típicos, a Venezuela é um dos lugares do mundo onde mais consomem a massa e por isso não poderia ficar de fora do nosso especial.

Para criar um prato com elementos típicos do país, o chef Robson Lustosa - professor do curso de gastronomia da Faculdade Senac de Pernambuco - preparou uma receita mais que completa, que tem entre seus ensinamentos um molho tradicional usado em diversos países da America Latina.

O preparo é dividido em três partes, sendo a primeira o macarrão, seguido pelo molho e por fim o frango com banana.

PENNE COM FEIJAO VERDE AO MOLHO DE AJI, FRANGO E BANANA
(por Robson Lustosa)

Ingredientes:
Para o Penne com feijão verde:

400 gramas de macarrão Penne cozido
120 gramas de Feijão verde cozido
1/2 cebola roxa picada
3 dentes de alho
20 gramas de manteiga
2 tomates bem maduros cortados em cubo
Manjericão e alfavaca a gosto
Sal e pimenta do reino branca a gosto

Para o molho de ají, frango e banana:

500 ml de leite
15 gramas de farinha de trigo
15 gramas de manteiga
1 cebola branca picada
Noz moscada a gosto
Folha de louro a gosto
80 gramas de requeijão de corte
Pimenta de cheiro amarela a gosto
Pimenta de cheiro verde a gosto
Cúrcuma (açafrão da terra) a gosto
Sal a gosto

Para o frango e banana flambados:

4 sobre coxas de frango cortadas em cubos
2 bananas cortadas em meia lua (banana prata)
25 gramas de manteiga
70 ml de rum
Sal e pimenta do reino a gosto

Para a palha de batata doce:


120 gramas de batata doce cortada finamente
500 ml de óleo de soja (para a fritura)
Sal a gosto

Modo de preparo:

Para o Penne com feijão verde:
Refogue o alho e a cebola na manteiga aquecida até ficar translúcido; adicione o tomate em cubos e refogue até desmanchar. Em seguida acrescente o feijão verde e a massa. Misture bem. Polvilhe as ervas picadas, acerte o sal e a pimenta.

Para o molho de ají, frango e banana:

Aqueça o leite com a folha de louro. Em uma frigideira refogue a cebola na manteiga aquecida, dourando ligeiramente. Acrescente as pimentas picadas e refogue até que estejam macias, em seguida polvilhe este refogado com a farinha de trigo, adicione o leite morno e mexa vigorosamente até encorpar. Por fim acrescente o requeijão e a cúrcuma, tempere com a noz moscada, acerte o sal.

Para o frango e banana flambados:
Tempere os cubos de frango no sal e na pimenta e doure-os na manteiga aquecida. Passe as bananas na farinha de trigo e doure-as na manteiga onde preparou o frango. Com a frigideira ainda no fogo adicione o rum e flambe (basta aproximar a frigideira da chama com cuidado ). Reserve.

Após cortar a barata doce crua em tiras finas, lave-a bem, em água corrente, até que o líquido deixe de ficar esbranquiçado. Seque bem as tiras e frite no óleo aquecido. Coloque em papel para fritura a fim de remover o excesso de gordura e acerte o sal.

Montagem:
Misture o frango e bananas flambados no molho de ají no momento de servir. Disponha o Penne com feijão verde em um prato fundo, ao centro, cubra a massa com o molho de ají, frango e banana e coloque a palha de batata doce.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.