Gastrô em Petrolina Especial: O Café mais charmoso do Sertão de Pernambuco Café de Bule apresenta sanduíches e doces caseiros, seguindo o conceito 'confort food' num espaço cultural

Por: Diogo Carvalho

Publicado em: 30/01/2015 19:50 Atualizado em: 09/02/2015 22:11

Cafés, bolos, doces... Solange e Georgia têm a preocupação de produzir tudo que é vendido na casa
Cafés, bolos, doces... Solange e Georgia têm a preocupação de produzir tudo que é vendido na casa

O Café de Bule é uma parada praticamente obrigatória para quem circula pelo centro de Petrolina. A árdua tarefa aqui é sentar, comer e relaxar, no melhor conceito slow food. Chás, cafés, sanduíches em pães caseiros, tapiocas, bolos e docinhos. Há até opções para veganos. Tudo num ambiente charmoso que tem, inclusive, um espaço cultural com cineclube.

Montar um dos lugares mais bacanas da maior cidade do Sertão nordestino era um sonho antigo das empresárias Georgia Romero e Solange Soares. Em 2010, montaram uma cafeteria dentro de um hospital. Mas a veia criativa era maior. “Queríamos montar uma cozinha afetiva, com referências familiares”, lembra Georgia. Foi então que, há pouco mais de um ano, inauguraram o Café de Bule.

Confira um roteiro de restaurantes em Petrolina


Recifense, Georgia fez cursos de gastronomia, patisserie e panificação em Salvador. “Tudo é feito aqui, não queria terceirizar nenhum produto. Por isso essa proposta menor, mais aconchegante. Até o pão rústico, geleias e sorvetes são feitos por nós”, conta orgulhosa. “Não temos wi-fi. Incentivamos os clientes a conversarem, interagirem, lerem”. No espaço cultural, o Janela, há apresentações de grupos teatrais e bandas locais, além de um cineclube aos sábados.


Na carta de cafés, mais de 20 opções, entre tradicionais, ao leite e gelados, como o Frozen Cappuccino (R$ 11,50). O Chocolate de Bule (R$ 6,90) leva quatro especiarias e está entre os mais pedidos. Para uma refeição leve, as sopas do dia (R$ 8,90), com destaque para a de abóbora com queijo branco. A variedade de tipos de cuscuz com recheios e tapiocas também impressiona os desavisados. Se busca um mata-fome, aposte no Sanduíche da Sogra (R$ 11,50), carne especial com molho demi glace escuro e creme de queijo, ou os wraps de frango (R$ 8), ricota (R$ 9) e atum (R$ 10). Para os veganos, pastel integral de legumes ou sanduíche de funghi.

Na parte de for a do café, uma vitrine de lanches rápidos, com tortas e docinhos, como a nova Delícia de pêssego. No cardápio de sorvetes artesanais, tapioca, manjericão, queijo, chocolate belga, café, doce de leite, limão siciliano, banana caramelizada, capim santo, rosas, caipirinha, canela, gengibre e (acreditem ou não) bacon! Vale a pena arriscar…

Café de Bule
Endereço: Rua Antônio Santana Filho, 353, Petrolina
Informações: (87) 3861-3404
Funcionamento: De segunda a sexta, das 14h às 22h; sábado, das 16h às 22h; domingo, das 17h às 22h.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.