Fim de ano Descubra como começou o costume da ceia de Natal e o cardápio natalino de outros países Na Europa, era comum preparar uma mesa farta e esperar os visitantes

Por: Vitória Maciel - Diario de Pernambuco

Publicado em: 24/12/2014 10:00 Atualizado em:

Na Alemanha, é comum encontrar como prato principal na ceia o ganso gralhado. Foto: Cristiane Silva/Esp. DP/D. A Press
Na Alemanha, é comum encontrar como prato principal na ceia o ganso gralhado. Foto: Cristiane Silva/Esp. DP/D. A Press
Nesta quinta-feira (25) é Natal e, na maioria das casas, é tempo de unir a família e celebrar os bons momentos do ano que já está no fim. Para isso, nada melhor do que preparar um bom jantar farto e com pratos típicos da época. A ceia de Natal tem ligações bíblicas, mas também influências históricas. Alguns acreditam que a tradição surgiu de um antigo costume europeu de deixar a porta aberta para os imigrantes. Assim, era preparada uma mesa farta para receber viajantes que estavam de passagem e todos podiam confraternizar juntos. O peru é usado na ceia desde o século 16, mas foi principalmente adotado pelos brasileiros.


Outros países
No Brasil, o peru, farofa, nozes, arroz, porco e frutas são os protagonistas do jantar. Mas na França, por exemplo, o foie gras, ostras e lagostas são presenças certas para combinar com o costume francês de visitar os inimigos nesta data para fazer as pazes. Na Alemanha, o prato é ganso grelhado. Já no cardápio de Portugal, entra principalmente o bacalhau. Enquanto na Suécia, a sobremesa fica por conta do arroz doce.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.