Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Seminário » Conectividade aérea de Pernambuco em destaque Secretário Felipe Carreras palestra sobre desenvolvimento da conectividade aérea de Pernambuco em evento nacional de aviação

Fred Figueiroa

Publicação: 05/10/2017 09:27 Atualização:



O crescimento exponencial de Pernambuco no cenário do turismo foi um dos destaques do Seminário Desafios da Aviação, realizado nesta quarta-feira (4), em Brasília. No evento, o secretário de Turismo, Esportes e Lazer do Estado, Felipe Carreras, integrou a mesa sobre a relação entre aviação e turismo, na qual ressaltou a ampliação da malha aérea, a inauguração de novos voos internacionais e o impacto disso em diversos setores da economia.

Durante o painel, Carreras destacou o posicionamento estratégico de Pernambuco dentro do Nordeste, ressaltando que seja pelo aspecto logístico, econômico ou de entretenimento, o Estado é o centro da região. “A conectividade aérea pernambucana é reflexo dessa posição privilegiada em relação à região. Temos voos diretos para todas as capitais nordestinas e, desde 2015, nossa malha aérea cresceu substancialmente”, ressaltou o secretário. Na atual conjuntura, Pernambuco opera 24 destinos nacionais e 12 internacionais. No período, a capital Recife, pela primeira vez, ultrapassou Salvador no número de voos diretos para destinos nacionais.

Os números relativos à malha aérea pernambucana tendem a crescer em breve. Isso porque o secretário adiantou que, a partir desta quinta-feira (5), o Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes vai incluir mais três destinos internacionais em sua operação. Dessa forma, o equipamento subirá para 15 a quantidade de destinos com conexão direta a partir da capital pernambucana. 

Ainda sobre o Seminário, nos painéis anteriores foram abordados outros temas referentes à conexão aviação-turismo. Entre as análises, destaque para o impacto do transporte aéreo no turismo, o estímulo para o desenvolvimento socioeconômico e a contribuição da tecnologia para aumentar a eficiência das companhias aéreas.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »