reforma da previdência Guedes defende proposta em reunião no STF

Por: AE

Publicado em: 22/02/2019 08:49 Atualizado em:

Foto: Mauro Pimentel/AFP
Foto: Mauro Pimentel/AFP
No dia em que a proposta de reforma da Previdência chegou ao Congresso, o ministro da Economia, Paulo Guedes, saiu em defesa das mudanças em encontro com ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Reforçou que a medida vai garantir mais justiça social e será fundamental para a recuperação das contas públicas segundo apurou o Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

Embora os 11 ministros do STF tenham sido convidados para o encontro, apenas 5 compareceram. 

A audiência de Guedes no STF havia sido marcada inicialmente apenas com o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, que decidiu estender o convite aos outros integrantes do tribunal. Desde que assumiu o comando da Suprema Corte em setembro do ano passado, Toffoli defende um pacto nacional republicano com os demais Poderes para criar um ambiente de segurança jurídica e viabilizar reformas - entre elas, a da Previdência.

Os ministros Gilmar Mendes, Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso também acompanharam a audiência com Guedes - os três são considerados dentro do STF mais "sensíveis" à situação das contas públicas. O quinto ministro do STF presente à audiência foi o relator da Operação Lava Jato, ministro Edson Fachin. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.