energia Vencedores de leilão de transmissão demonstram otimismo com cenário econômico A companhia que mais conquistou lotes no leilão foi a Neoenergia que obteve quatro lotes com um investimento somado de R$ 6 bilhões

Por: AE

Publicado em: 20/12/2018 16:38 Atualizado em:

Foto: Reprodução / Pixabay
Foto: Reprodução / Pixabay
Os vencedores de alguns dos principais lotes do leilão de transmissão realizado nesta quinta-feira, 20, na B3 destacaram que veem com otimismo as perspectivas para a economia brasileira.

A jornalistas em São Paulo, o representante do grupo controlador da construtora espanhola Cymi, Jaime Llopis, afirmou que está "confiante numa melhora constante das condições brasileiras nos próximos anos". A Cymi faz parte, junto com a Brookfield, do Consórcio Chimarrão, grupo que assumiu o segundo maior volume de investimento entre os projetos leiloados. O consórcio foi o vencedor do lote 10, com R$ 2,4 bilhões de investimento previsto.

A companhia que mais conquistou lotes no leilão foi a Neoenergia que obteve quatro lotes com um investimento somado de R$ 6 bilhões. Para a representante do grupo, Cristiane da Costa Fernandes, "o Brasil tem necessidade grande de expansão de transmissão e geração de energia". Ela considerou que a sinalização é de que o ritmo de expansão vai continuar em linha com essa necessidade.

"Acreditamos que as regras que regeram esse leilão e que vão estar no nosso contrato serão mantidas e cumpridas. Há leis e regulação fortes o suficiente para fornecer essa segurança jurídica e regulatória", concluiu.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.