contratos JBS fecha acordo para encerrar ações trabalhistas nos Estados Unidos Nos processos, a empresa era acusada de discriminação racial e de gênero contra pessoas que pediram emprego em duas fábricas

Por: AE

Publicado em: 16/11/2018 08:04 Atualizado em:

Foto: Evaristo Sá/AFP
Foto: Evaristo Sá/AFP
A subsidiária da JBS nos Estados Unidos vai pagar US$ 4 milhões em indenizações para encerrar duas ações trabalhistas nos Estados Unidos.

O jornal Greeley Tribune, da cidade de Greeley, no Colorado, onde a JBS USA tem sede, informa que o Departamento de Trabalho dos Estados Unidos mantinha duas ações contra a produtora de proteína animal. Nos processos, a JBS era acusada de discriminação racial e de gênero contra pessoas que pediram emprego nas fábricas de Hyrum, no Estado de Utah, e de Cactus, no Texas.

A indenização será distribuída entre 12.625 trabalhadores das duas unidades. A JBS ainda se comprometeu a contratar 1.664 pessoas que alegam terem sido discriminadas. A companhia também garantiu que vai manter um consultor independente para revisar sua política de contratações.

O porta-voz da JBS USA, Cameron Bruett, disse em nota que a empresa nega as acusações, apesar do consentimento em indenizar os trabalhadores para encerrar as ações.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.