junção Cade pode sair da Justiça e ficar com Paulo Guedes na Economia O Cade tem seis cargos importantes vagando no ano que vem, que podem abrir disputa entre os dois superministros de Bolsonaro

Por: AE

Publicado em: 14/11/2018 10:06 Atualizado em:

Tradicionalmente, tanto a Justiça quanto a área econômica submetem nomes para o conselho ao presidente da República. Foto: Mauro Pimentel/AFP
Tradicionalmente, tanto a Justiça quanto a área econômica submetem nomes para o conselho ao presidente da República. Foto: Mauro Pimentel/AFP
A equipe de transição do presidente eleito, Jair Bolsonaro, estuda vincular o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) ao Ministério da Economia, que ficará a cargo de Paulo Guedes. Hoje, o conselho é ligado ao Ministério da Justiça, pasta que será ocupada pelo juiz Sérgio Moro. 

O Cade tem seis cargos importantes vagando no ano que vem, que podem abrir disputa entre os dois superministros de Bolsonaro. Tradicionalmente, tanto a Justiça quanto a área econômica submetem nomes para o conselho ao presidente da República. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.