prejuízo Gol tem prejuízo de R$ 09 milhões no terceiro trimestre de 2018 Variação do dólar pressionou o resultado da companhia, que, em igual período do ano passado, tinha registrado lucro de quase R$ 33 milhões

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 01/11/2018 11:47 Atualizado em:

foto: Tratong
foto: Tratong
A companhia aérea Gol teve um prejuízo de R$ 409,2 milhões no terceiro trimestre do ano. Em igual período de 2017, a empresa havia registrado lucro de R$ 32,9 milhões. Em comunicado, a Gol informou que o dólar pressionou o resultado da empresa este ano.

Conforme a aérea, a variação cambial e monetária negativa de R$ 187,3 milhões, ante variação cambial e monetária positiva de R$ 242,9 milhões em igual período do ano passado, contribuiu para o resultado negativo este ano.

Se desconsiderar a participação minoritária da Smiles – programa de fidelidade e milhagem da empresa –, o prejuízo da Gol foi de R$ 308,9 milhões no terceiro trimestre de 2018 ante lucro de R$ 490,2 milhões em igual período de 2017.

A receita líquida da companhia aumentou 8,3% no terceiro trimestre de 2018, para R$ 2,892 bilhões (ante R$ 2,670 bilhões). “O desempenho reflete a combinação de maior demanda com otimização na precificação”, afirmou a empresa em comunicado.

Já o resultado operacional foi de R$ 180,5 milhões, 44,5% menor do que no intervalo de julho a setembro do ano passado.

A empresa transporta mais de 30 milhões de passageiros anualmente e tem a maior malha no Brasil, com mais de 700 voos diários para 67 destinos no Brasil, na América do Sul e no Caribe. No negócio de logística e cargas, a empresa atende mais de 3,4 mil municípios brasileiros e chega a mais que 200 destinos internacionais em 95 países.

O Smiles é um programa de fidelidade de coalizão entre os maiores na América Latina, com 14 milhões de participantes cadastrados. Com 15 mil funcionários, a companhia opera uma frota de 120 aeronaves Boeing 737, com um pedido adicional de 133 aeronaves Boeing 737 Max. A Gol está listada nas bolsas de valores do Brasil e dos Estados Unidos.


TAGS: prejuizo gol

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.