DP Empresas Certipe - Certificações Digitais expande negócio em PE Empresa de certificação digital deve inaugurar pelo menos mais cinco novas filiais este ano. Atualmente, são 18 filiais distribuídas na RMR e interior

Por: Rochelli Dantas - Diario de Pernambuco

Publicado em: 28/07/2018 10:00 Atualizado em:

Empresa tem quatro sócios e foi inaugurada em 2014 com a unidade da Imbiribeira. Foto:Leo Malafaia/DP (Foto:Leo Malafaia/DP)
Empresa tem quatro sócios e foi inaugurada em 2014 com a unidade da Imbiribeira. Foto:Leo Malafaia/DP
Com a popularização dos meios eletrônicos, grande parte dos dados pessoais e empresariais está guardado em rede. Por isso, há alguns anos, é crescente a preocupação com a certificação digital, uma forma de organizar e verificar arquivos digitais, utilizando criptografia de alta complexidade para conferir segurança a diversos tipos de documentos. Foi de olho no crescimento desta demanda, que os sócios Leandro Costa e Italo Costa resolveram abrir, em 2014, a Certipe – Certificação Digital.

Com o registro de operação publicado no Diario Oficial da União, os dois iniciaram sozinhos a empresa e apostaram no crescimento da demanda. Deu certo. Hoje, o negócio - que agora conta com mais dois sócios (Marcio Magalhães e Karina Dantas) - já possui 18 filiais distribuídas em Pernambuco. O plano de expansão segue firme e pelo menos mais cinco unidades devem ser inauguradas neste segundo semestre (duas no Recife, uma em Gravatá, Santa Cruz do Capibaribe e Petrolina).

O início da empresa foi na Imbiribeira, unidade que funciona até hoje. Já a expansão começou longe da Região Metropolitana do Recife (RMR). “Resolvemos abrir a primeira filial em Serra Talhada. Era uma cidade que é um polo, com diversas cidades vizinhas que dependem de recursos dela e era muito precária no que diz respeito à certificação digital. Fomos visitar e conversar com contadores e comprovamos essa carência. Por isso resolvemos abrir a segunda unidade lá”, conta o diretor Comercial e de Marketing da empresa, Leandro Costa.

As inaugurações seguiram firme pelo interior. Atualmente, além das filiais espalhadas pela RMR, a empresa possui operação em Arcoverde, Serra Talhada, Caruaru, Garanhuns e Vitória de Santo Antão. Em média, mensalmente são mais de 1.700 clientes atendidos. O crescimento do faturamento chega a 120% ano a ano. “Nosso público é, em média, 80% pessoa jurídica. Não existe um público-alvo. Toda pessoa jurídica precisa de uma certificação digital. O microempreendedor individual também. Além disso, no caso da pessoa física também há uma demanda. A CNH Digital, diplomas digitais e prontuários eletrônicos são exemplos que necessitam de uma certificação”, enfatiza Costa.

De acordo com o diretor, nos quatro anos de operação da empresa, um dos momentos mais desafiadores foi, recentemente, quando entrou em operação a nova regulamentação do setor. “De setembro a fevereiro deste ano foi o caos por conta das adaptações à nova legislação. Mas estávamos acompanhando as discussões e nos preparando. Por isso já tínhamos o planejamento de novas unidades e já estávamos avançando com o financiamento bancário para isso”.

Tecnologia

Para trazer mais segurança, a empresa está investindo em um novo equipamento, que deve entrar em funcionamento ainda este mês. “É um repositório criptografado para que, em vez dos contadores terem um cartão de cada cliente, ele possa armazenar as informação no equipamento. Ele pode cadastrar até 200 certificados e colocar as informações na nuvem em um data center também criptografado”, detalha Leandro Costa. A ideia é implantar inicialmente em escritórios de contabilidade que possuam certificados digitais.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.