Produtos Abastecimento em supermercados ainda não é normal, diz Neogrid Atualmente, o nível de ruptura nos supermercados, segundo a Neogrid, é de 9,5%, mas a média antes da paralisação dos caminhoneiros era de 7,1%

Por: Agência Estado

Publicado em: 08/06/2018 17:56 Atualizado em: 08/06/2018 18:03

O nível de ruptura já recuou 30%, mas ainda não retomou aos níveis históricos. Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil
O nível de ruptura já recuou 30%, mas ainda não retomou aos níveis históricos. Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O abastecimento de produtos nos supermercados ainda não atingiu um nível normalizado, segundo dados da Neogrid/Nielsen, companhia que monitora a ruptura, que é a falta de itens na gôndola. O nível de ruptura, que subiu 50% no auge da crise gerada pela paralisação de caminhoneiros, já recuou 30%, mas ainda não retomou aos níveis históricos.

Atualmente, o nível de ruptura nos supermercados, segundo a Neogrid, é de 9,5%, mas a média antes da paralisação dos caminhoneiros era de 7,1%. 

Ainda há um patamar considerado elevado de ruptura em diversos itens, sendo que o pão, o leite e o frango in natura estão entre os itens com maior ocorrência de falta nas prateleiras.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.