• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Dívida Contribuintes em débito com os bombeiros podem ser negativados A Procuradoria Geral está notificando pessoas físicas e empresas com dívidas superiores a R$ 1 mil

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 07/12/2017 17:18 Atualizado em: 07/12/2017 17:50

O primeiro grupo notificado soma uma dívida de R$ 104 milhões. Foto: Bombeiros PE/Reprodução
O primeiro grupo notificado soma uma dívida de R$ 104 milhões. Foto: Bombeiros PE/Reprodução

Os contribuintes que tiverem débitos com a Taxa de Prevenção e Extinção de Incêndio (TPEI) são convocados a regularizarem sua situação. A Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) está notificando por carta nove mil pessoas físicas e 43 mil empresas da Região Metropolitana do Recife.

O primeiro grupo notificado soma uma dívida de R$ 104 milhões. São empresas com débitos a partir de R$ 1 mil e titulares de imóveis residenciais com dívidas superiores a R$ 1,5 mil. O imposto arrecadado é usado para viabilizar a prestação de serviço dos bombeiros e aquisição de equipamentos, viaturas e manutenção.

Após ser notificado, o contribuinte terá 30 dias para a quitar a dívida através de um boleto. O não pagamento da taxa poderá negativar o contribuinte em cadastros como o SPC e Serasa. É possível consultar a situação ou obter informações no Centro de Atendimento ao Cidadão do Quartel do Comando Geral do Corpo de Bombeiros (Avenida João de Barros, 399, na Boa Vista), no Expresso Cidadão do Cordeiro e por email sac@bombeiros.pe.gov.br. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.