• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
RODOVIAS MP que dá mais tempo a duplicação de rodovias deve ser enviada ao Congresso Segundo ele, a ideia do governo é permitir que as empresas "reprogramem" seus investimentos diante de um cenário de queda no fluxo de veículos nas estradas e falta de financiamento

Por: Agência Estado

Publicado em: 10/08/2017 15:35 Atualizado em:

O ministro dos Transportes, Maurício Quintella, informou nesta quinta-feira, 10, que deve ser encaminhada na semana que vem ao Congresso a Medida Provisória (MP) que flexibiliza compromissos assumidos por concessionárias nas rodovias leiloadas na terceira etapa do programa de concessões.

Entre as mudanças, o prazo de duplicação das estradas, concedidas ainda no governo Dilma Rousseff, deve subir de cinco para 14 anos. Hoje, após participar de fórum do Lide na zona sul da capital paulista, Quintella disse que o texto já está a caminho da Casa Civil.

Segundo ele, a ideia do governo é permitir que as empresas "reprogramem" seus investimentos diante de um cenário de queda no fluxo de veículos nas estradas e falta de financiamento. 

"É fato que vivemos a maior recessão de nossa história. É fato que esses contratos estão absolutamente desequilibrados e os beneficiários dessas rodovias são os usuários. Se entrarmos num processo de caducidade ou devolução amigável, esses investimentos ficarão suspensos por muitos anos", disse o ministro.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.