• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Seleção » Mais de 44 mil candidatos concorrem a 100 vagas da Anatel

CorreioWeb

Publicação: 03/09/2014 16:40 Atualização:

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou a quantidade de inscritos no concurso com 100 vagas. São 44.655 candidatos, o que equivale a uma concorrência de 44 pessoas por chance. O cargo com maior participação é o de técnico administrativo, área administrativa, com 23.376 inscrições.

Os exames objetivos e discursivos serão aplicados em 14 de setembro, às 8h para nível superior (com duração de 5h30), e às 15h para nível médio (com duração de 3h30). O locais estarão disponíveis para consulta a partir do dia 4 de setembro, pelo site da banca organizadora, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB).

O cargo de analista administrativo admitiu inscrições de graduados em administração, ciência da computação, engenharia (de redes, civil, elétrica eletrônica, mecatrônica e mecânica) e direito. A remuneração é de R$ 10.543,90.

Já ao posto de especialista em regulação de serviços públicos de telecomunicações, candidataram-se concurseiros com nível superior em qualquer curso, ciências contábeis, ciências econômicas, estatística, matemática e direito. O salário para especialistas é de R$ 11.403,90.

Epara nível médio o cargo é o de técnico administrativo, que exige curso técnico em administração, comunicação e telecomunicações. O salário é de R$ 5.418,25. Sete vagas são para deficientes e 20 vagas para cotas raciais.

Haverá ainda prova de títulos para candidatos com nível superior. Os aprovados nos cargos de especialista em regulação de serviços públicos de telecomunicações e analista administrativo ainda serão submetidos a curso de formação, que será ministrado em Brasília.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.