• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Crescimento » Negócios da BM&FBovespa em agosto atingem R$ 156,4 bilhões

Agência Estado

Publicação: 02/09/2014 09:08 Atualização: 02/09/2014 14:54

Dados preliminares da BM&FBovespa; mostram que o volume negociado no segmento Bovespa no mês de agosto atingiu R$ 156,456 bilhões, montante que representa um recuo de 16,4% em relação ao observado um ano antes. Em relação ao mês imediatamente anterior houve um incremento de 17,6%.

Já o volume médio diário, ainda considerando o segmento Bovespa, somou R$ 7,450 bilhões no mês passado, queda de 12,4% na relação anual. Na comparação com julho o aumento registrado foi de 23 2%.

O número de negócios no mês em análise foi de 18.472.578, queda de 15% ante agosto de 2013. Ante julho o crescimento foi de 11 4%, ainda segundo dados preliminares. Já o número de negócios médio diário no mês passado ficou em 879.647, 11% inferior ao visto em doze meses. Ante julho houve aumento de 16,7%.

No mês passado, as pessoas físicas individuais registraram a participação de 15,4%, ante 14% no mesmo mês de 2013 e de 15,9% em julho. Os investidores institucionais ficaram com a fatia de 29,5%, ante 34,3% e 31% em agosto de 2013 e julho deste ano, respectivamente. O investidor estrangeiro ampliou a sua participação de 42,1% para 49% em um ano (era 47,5% em julho). Esse dado considera os negócios até o dia 28 de agosto.

Os estrangeiros movimentaram R$ 72,287 bilhões em compras e R$ 70,113 bilhões em vendas. O saldo positivo, assim, ficou em R$ 2 174 bilhões, considerando os negócios até o dia 28 de agosto.

Dados preliminares da BM&FBovespa; mostram que o volume negociado no segmento Bovespa no mês de agosto atingiu R$ 156,456 bilhões, montante que representa um recuo de 16,4% em relação ao observado um ano antes. Em relação ao mês imediatamente anterior houve um incremento de 17,6%.

Já o volume médio diário, ainda considerando o segmento Bovespa, somou R$ 7,450 bilhões no mês passado, queda de 12,4% na relação anual. Na comparação com julho o aumento registrado foi de 23 2%.

O número de negócios no mês em análise foi de 18.472.578, queda de 15% ante agosto de 2013. Ante julho o crescimento foi de 11 4%, ainda segundo dados preliminares. Já o número de negócios médio diário no mês passado ficou em 879.647, 11% inferior ao visto em doze meses. Ante julho houve aumento de 16,7%.

No mês passado, as pessoas físicas individuais registraram a participação de 15,4%, ante 14% no mesmo mês de 2013 e de 15,9% em julho. Os investidores institucionais ficaram com a fatia de 29,5%, ante 34,3% e 31% em agosto de 2013 e julho deste ano, respectivamente. O investidor estrangeiro ampliou a sua participação de 42,1% para 49% em um ano (era 47,5% em julho). Esse dado considera os negócios até o dia 28 de agosto.

Os estrangeiros movimentaram R$ 72,287 bilhões em compras e R$ 70,113 bilhões em vendas. O saldo positivo, assim, ficou em R$ 2 174 bilhões, considerando os negócios até o dia 28 de agosto.

Dados preliminares da BM&FBovespa; mostram que o volume negociado no segmento Bovespa no mês de agosto atingiu R$ 156,456 bilhões, montante que representa um recuo de 16,4% em relação ao observado um ano antes. Em relação ao mês imediatamente anterior houve um incremento de 17,6%.

Já o volume médio diário, ainda considerando o segmento Bovespa, somou R$ 7,450 bilhões no mês passado, queda de 12,4% na relação anual. Na comparação com julho o aumento registrado foi de 23 2%.

O número de negócios no mês em análise foi de 18.472.578, queda de 15% ante agosto de 2013. Ante julho o crescimento foi de 11 4%, ainda segundo dados preliminares. Já o número de negócios médio diário no mês passado ficou em 879.647, 11% inferior ao visto em doze meses. Ante julho houve aumento de 16,7%.

No mês passado, as pessoas físicas individuais registraram a participação de 15,4%, ante 14% no mesmo mês de 2013 e de 15,9% em julho. Os investidores institucionais ficaram com a fatia de 29,5%, ante 34,3% e 31% em agosto de 2013 e julho deste ano, respectivamente. O investidor estrangeiro ampliou a sua participação de 42,1% para 49% em um ano (era 47,5% em julho). Esse dado considera os negócios até o dia 28 de agosto.

Os estrangeiros movimentaram R$ 72,287 bilhões em compras e R$ 70,113 bilhões em vendas. O saldo positivo, assim, ficou em R$ 2 174 bilhões, considerando os negócios até o dia 28 de agosto.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.