• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Concursos » Após reclamações, Planejamento autoriza nomeação de 1,6 mil para PF e PRF

CorreioWeb

Publicação: 18/08/2014 14:59 Atualização: 18/08/2014 15:59

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão autorizou o provimento de 1.612 cargos da Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF). As nomeações podem ocorrer já a partir deste mês.

Na PRF serão 500 cargos providos, e para a PF serão: 534 agentes administrativos, 331 escrivães, 128 delegados, 87 peritos criminais, 11 engenheiros, sete assistentes sociais, cinco contadores, quatro administradores, três psicólogos, e dois arquivistas.

Com mais de dois meses após a formatura no curso de formação, cerca de 950 aprovados no concurso com 1.000 vagas da PRF aguardavam nomeação. Segundo denúncias, a expectativa era de que eles já estariam em exercício na Copa do Mundo, mas até hoje aguardam autorização do Ministério do Planejamento.

Quanto à PF, a validade do concurso para delegado, perito e escrivão teve de ser prorrogada por mais 30 dias, para nomeação dos aprovados. Isso acorreu após o diretor da corporação pedir nomeações ao Planejamento.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.