• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Fundos "abutres" » Argentina vê fraude

Correio Braziliense

Publicação: 05/08/2014 09:30 Atualização:

O governo da Argentina vai pedir formalmente à Securities and Exchange Comission (SEC), órgão que regula e fiscaliza o mercado de capitais nos Estados Unidos, a abertura de uma investigação contra os chamados fundos “abutres”, que reivindicam o pagamento de US$ 1,3 bilhão em títulos da dívida externa do país, sem os descontos impostos nas renegociações de 2005 e 2010.

Segundo o chefe de gabinete do governo argentino, Jorge Capitanich, as ações vão apurar “manobras fraudulentas que os fundos realizam com seguros de ativação de default (calote)”. Além disso, Buenos Aires vai enviar à Justiça norte-americana uma nota formal manifestando “inconformidade” com o trabalho do mediador Daniel Pollack.

De acordo com Capitanich, Pollack, indicado por Thomas Griesa, juiz do contencioso entre os fundos e a Argentina, tem revelado parcialidade e feito “extorsão, mediante propostas unilaterais dos fundos abutres”. “A Argentina cumpre suas obrigações”, afirmou. “Um mediador não pode determinar que se trata de um default técnico ou seletivo.”

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.