• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Nova inspeção » Vigilância Sanitária interdita ilha de refrigeração no Extra e apreende 200 Kg de alimentos no Extrabom

Diario de Pernambuco

Publicação: 11/07/2014 11:31 Atualização: 11/07/2014 16:22

Vistoria da Visa interditou ilha de refrigeração de alimentos que estava com problemas de temperatura (Secretaria de Saúde do Recife/Divulgação)
Vistoria da Visa interditou ilha de refrigeração de alimentos que estava com problemas de temperatura
Em uma nova inspeção sanitária realizada ontem (10), a Vigilância Sanitária do Recife (Visa) interditou uma ilha (prateleira) de refrigeração no supermercado Extra e apreendeu 200 quilos de alimentos impróprios para o consumo no Extrabom, ambos localizados na Avenida Caxangá, na Zona Oeste do Recife. A operação, no entanto, foi divulgada somente na noite de ontem. Os dois estabelecimentos foram notificados pela Visa e responderão a processos administrativos. A inspeção também contou com a presença de inspetores do Procon-PE e do Ministério Público de Pernambuco (MPPE).  

O primeiro supermercado inspecionado foi o Extrabom. No local, os inspetores da Visa identificaram produtos congelados e resfriados que estavam sendo armazenados abaixo da temperatura adequada. O principal problema, no entanto, foi a falta de água encanada, ocasionada por um problema no bombeamento do poço artesiano. O estabelecimento foi fechado por cerca de duas horas e, após normalizar o abastecimento, voltou a funcionar normalmente.

Na câmara fria, havia falhas estruturais e peças de carne sem embalagem e sem identificação. Foram encontrados, ainda, produtos químicos sem registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A Vigilância inutilizou cerca de 200 quilos de alimentos impróprios para o consumo. A assessoria do grupo Extrabom informou, através de uma nota oficial, que "a unidade do bairro do Cordeiro passou, recentemente, por reformas visando adequar-se às solicitações da Vigilância Sanitária”. O documento diz ainda que “com relação aos produtos impróprios para consumo, a direção já está investigando o ocorrido para que falhas como esta não voltem a se repetir”.

N segunda vistoria, no Extra, a equipe da Vigilância Sanitária identificou problemas em uma das ilhas de refrigeração. O equipamento armazenava carnes e alimentos congelados sob uma temperatura acima do permitido. O equipamento ficará inutilizado por tempo indeterminado até que a falha seja corrigida. No local foram encontrados cerca de 58 quilos de alimentos vencidos ou impróprios para o consumo. Em nota divulgada pela assessoria de comunicação, a rede varejista informou que “a falha na refrigeração, levantada pelos órgãos competentes, foi pontual e prontamente corrigida”.

De acordo com a inspetora da Visa do Distrito Sanitário 4, Márcia Campos, a inspeção nas duas lojas foi considerada tranqüila. “Estamos observando, ainda, problemas de temperatura inadequada. A inspeção tem sido freqüente nesses estabelecimentos, mas mesmo assim vimos esses problemas voltar a acontecer. Porém não vimos outros grandes problemas nesta inspeção. Percebemos melhorias nos depósitos e a eliminação de pragas, o que é muito bom”, avaliou.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.