• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Ministério da Agricultura » Após muita polêmica, Mapa publica resultado final de concurso com 796 vagas

CorreioWeb

Publicação: 03/07/2014 09:30 Atualização:

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) publicou, no Diário Oficial da União desta quinta-feira (3), o resultado final do concurso público que ofertou 796 vagas. O resultado final das provas discursivas e da avaliação de títulos também foi divulgado pela Consulplan, a banca organizadoa do certame.

Leia mais sobre concursos no portal Admite-se

Lançado em janeiro deste ano, o concurso foi suspenso em abril pela Justiça Federal do Amazonas. Oito fiscais federais agropecuários entraram com uma ação ordinária alegando que o certame abriu vagas para localidades em que eles sempre manifestaram interesse de remoção, mas nunca obtiveram resposta positiva da Administração. Após o ministro da Agricultura autorizar um concurso de remoção nacional, o concurso público prosseguiu normalmente, e as provas foram aplicadas no dia 4 de maio.

A seleção, porém, ainda foi alvo de suspeita de fraude. Candidatos ao cargo de fiscal federal agropecuário, na especialidade de química, perceberam grande semelhança entre uma questão de conhecimento específico das provas aplicadas no último domingo, e uma questão de um livro. Mas o suposto plágio foi negado pela banca organizadora.

O concurso

As oportunidades foramo para níveis fundamental, técnico e superior. Os salários variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38. Só para o Distrito Federal são 97 vagas. Do total de chances, 46 reservadas a pessoas com deficiência.

Foram registrados 412.118 inscritos no certame - concorrência geral de, aproximadamente, 517 por chance. A capital federal registrou 33.783 concorrentes em todos os cargos. O posto com o maior número de inscritos registrado foi o de auxiliar de laboratório, em Recife, com 23.141 postulantes disputando 12 vagas - concorrência de, aproximadamente, 1.928 por chance.

As chances para nível superior foram de engenheiro agrônomo, farmacêutico, químico, veterinário, zootecnista, administrador, bibliotecário, contador, economista, engenheiro, geógrafo e psicólogo. Já para nível médio/técnico, as oportunidades foram para agente de atividades agropecuárias, agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal e técnico de laboratório, agente administrativo e técnico de contabilidade. Por fim, o cargo ofertado para candidatos com ensino fundamental é de auxiliar de laboratório.

As vagas são para Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Tocantins e Distrito Federal.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.