• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Seleção » Ministério da Agricultura divulga resultados de provas do concurso com 796 vagas

CorreioWeb

Publicação: 19/06/2014 14:40 Atualização:

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou os resultados preliminares das provas discursivas e da avaliação de títulos do concurso com 796 vagas. Os exames foram aplicados no dia 4 de maio.

Do total de chances, 46 reservadas a pessoas com deficiência. As oportunidades são para níveis fundamental, técnico e superior. Os salários variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38. Só para o Distrito Federal são 97 vagas.

Foram registrados 412.118 inscritos no certame - concorrência geral de, aproximadamente, 517 por chance. A capital federal registrou 33.783 concorrentes em todos os cargos. O posto com o maior número de inscritos registrado foi o de auxiliar de laboratório, em Recife, com 23.141 postulantes disputando 12 vagas - concorrência de, aproximadamente, 1.928 por chance.

As chances para nível superior são de engenheiro agrônomo, farmacêutico, químico, veterinário, zootecnista, administrador, bibliotecário, contador, economista, engenheiro, geógrafo e psicólogo. Já para nível médio/técnico, as oportunidades são para agente de atividades agropecuárias, agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal e técnico de laboratório, agente administrativo e técnico de contabilidade. Por fim, o cargo ofertado para candidatos com ensino fundamental é de auxiliar de laboratório.

As vagas são para Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Tocantins e Distrito Federal.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.