• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Infraestrutura » Artesp: propostas pela Tomoios superam expectativa

Agência Estado

Publicação: 18/06/2014 14:31 Atualização:

A diretora-geral da Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp), Karla Bertocco, disse nesta quarta-feira (18) que considerou positivo o recebimento de cinco propostas para a Parceria Público Privada (PPP) da "Nova Tamoios", a primeira PPP de rodovia do estado de São Paulo. Ela comentou que o número é superior ao inicialmente esperado pela agência, de quatro propostas, e avaliou que trará mais competição para a licitação. "É um número muito bom, estamos bem satisfeitos", disse Karla.

A Artesp também salientou que o Trecho Sul do Rodoanel, licitado em 2010, recebeu três propostas, enquanto o trecho Oeste, licitado em 2008, teve cinco grupos interessados.

Para Karla, o fato de os interessados saberem que haveria concorrência deve ter feito com que as propostas fossem agressivas. "Imaginando que as pessoas sabem que tem concorrência, eles têm de fazer a melhor proposta possível, porque só há aquela oportunidade", avaliou.

As empresas interessadas tinham de apresentar na manhã de hoje suas propostas na sede da Artesp, em São Paulo. Cada grupo interessado deveria entregar quatro envelopes, contendo documentos de garantia da proposta, habilitação (jurídica, fiscal, trabalhista, econômico-financeira e técnica), metodologia de execução e proposta de preço, esta última acompanhada do plano de negócios.

O critério decisivo para o julgamento da licitação é o de menor valor de contraprestação anual ofertada, a ser paga pelo governo paulista. O valor máximo é de R$ 156,864 milhões. Mas o vencedor da disputa não será conhecido hoje. "A previsão é anunciar o vencedor até o final de agosto", disse Karla. Para isso, a comissão de licitação deve avaliar, ainda hoje, as garantias das propostas, e na sequência analisar documentos de habilitação do grupos, metodologia de execução e, finalmente, a proposta de preço e o plano de negócios. A assinatura do contrato está prevista para outubro ou novembro.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.