• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Aquisição » Michelin anuncia compra da brasileira Sascar por 440 milhões de euros

AFP - Agence France-Presse

Publicação: 09/06/2014 16:50 Atualização: 09/06/2014 16:59

Assembleia geral de acionistas da Michelin em Clermont-Ferrand em maio. Foto: © AFP/Thierry Zoccolan  (Assembleia geral de acionistas da Michelin em Clermont-Ferrand em maio. Foto: © AFP/Thierry Zoccolan )
Assembleia geral de acionistas da Michelin em Clermont-Ferrand em maio. Foto: © AFP/Thierry Zoccolan
A fabricante francesa de pneus Michelin anunciou nesta segunda-feira a intenção de comprar, por 440 milhões de euros, a empresa brasileira Sascar, especializada na gestão pela internet de frotas de caminhões.

Com a aquisição, a Michelin pretende aumentar as vendas de serviços e pneus no mercado brasileiro, onde quase todo o tráfego de mercadorias acontece por estradas.

Além disso, pretende duplicar os resultados da futura filial a nível internacional, em particular em outros países da América Latina.

"A Michelin se beneficiará da base de clientes e de concorrência desenvolvidas pela Sascar em um mercado em rápido crescimento para frotas profissionais de caminhões e vai poder, assim, acelerar o desenvolvimento de suas atividades no mundo inteiro", afirmou o presidente do grupo, Jean-Dominique Senard.

"Isto nos permitirá reforçar um importante eixo de crescimento para o grupo", completou Senard.

A Sascar está muito presente no mercado dos pequenos transportadores independentes, que têm papel essencial no transporte de mercadorias no Brasil, com 33.000 frotas de empresas, que representam 190.000 caminhões.

Com 870 funcionários, a empresa de São Paulo gerou no ano passado um volume de negócios de 91 milhões de euros, com forte rentabilidade operacional (uma margem antes de juros e impostos que representa 37% das vendas em 2013).

Nos últimos três anos, a Sascar registrou crescimento médio da atividade de 16% ao ano, segundo a Michelin.

Além dos 440 milhões de euros do preço da compra, a Michelin assumirá a dívida de 80 milhões de euros, o que eleva o valor da Sacar a 520 milhões, um preço ainda sujeito a ajustes, segundo a empresa.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.