• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Negócios » Apple compra Beats Eletronics por US$3 bilhões

AFP - Agence France-Presse

Publicação: 29/05/2014 10:20 Atualização: 29/05/2014 10:32

Segundo analistas, a Apple está especialmente interessada no serviço de música
Segundo analistas, a Apple está especialmente interessada no serviço de música "streaming" (exibição online) da empresa Beats
A Apple anunciou ontem (28) a compra da fabricante de fones americana Beats Electronics, do rapper americano Dr Dre, por US$ 3 bilhões, na maior aquisição da empresa até hoje. A gigante da informática também vai contratar o músico e o outro fundador da Beats, o produtor Jimmy Iovine, segundo o comunicado.

De acordo com analistas, a Apple está especialmente interessada no serviço de música "streaming" (exibição online) da empresa. Seria uma maneira de compensar a desaceleração no crescimento de sua loja na internet, o iTunes. Bob O'Donnell, analista da TECHnalysis Research, se disse "um pouco perplexo" sobre o que a Apple ganha com a operação.

"Por um lado, os produtos Beats são muito conhecidos, mas as pessoas que se interessam por um áudio de alta qualidade não os consideram os melhores". É algo que não se dirige "ao público tradicional da Apple".

O analista admite que apesar do "número relativamente limitado de clientes", Beats Music tem "contatos na indústria" suscetíveis de reforçar a presença da Apple neste setor. A contratação de Iovine, considerado um visionário no mundo da música, também influenciou na decisão.

A revista Forbes calculou que com o acordo Dr Dre se tornou o artista de hip hop mais rico do mundo, com uma fortuna de 800 milhões de dólares. A transação prevê a entrega de 2,6 bilhões de dólares no fechamento do negócio e dos 400 milhões restantes em parcelas.

Das ruas de L.A. para a fortuna

O músico Dr Dre percorreu um longo caminho desde o perigoso bairro onde nasceu, em Los Angeles, até tornar-se o rapper mais rico do mundo segundo a revista Forbes, após a negociação anunciada ontem com a Apple.

Dr Dre descobriu e trabalhou com artistas do porte de Eminem, Snoop Dogg e P.Daddy, e foi um pioneiro do gangsta rap, assim como do G-Funk da costa oeste. Ganhou seis prêmios Grammy e, em 2001, tornou-se o primeiro produtor de hip hop a conseguir a estatueta de melhor produtor do ano.

Com a bilionária negociação da Beats Electronics, sua fortuna chegará aos 800 milhões de dólares - desbancando Sean "Diddy" Combs, então número um da lista da Forbes com riqueza avaliada em 700 milhões de dólares, assim como Jay Z, marido de Beyoncé, que cai para o terceiro lugar com 520 milhões.

Conhecida pelos fones que ornam as orelhas de celebridades e estrelas do mundo esportivo, a empresa de Dre foi fundada em 2008 em parceria com Iovine. A partir de agora, o rapper também trabalhará para a Apple.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.