• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Acordo » Argentina pagará US$ 9,7 bilhões em dívidas atrasadas

Agência Estado

Publicação: 29/05/2014 08:34 Atualização:

O Clube de Paris anunciou um acordo com a Argentina para pagamento das dívidas atrasadas em um prazo de cinco anos. O Clube de Paris representa governos de nações industrializadas.

O acordo cobre atrasos que totalizam US$ 9,7 bilhões, conforme números de 30 de abril, informou o Clube de Paris, em comunicado.

Com isso, a Argentina normaliza as relações com os credores públicos e com as instituições financeiras internacionais após o calote de parte da dívida externa no fim de 2001.

O governo argentino ofereceu uma primeira reestruturação da dívida em 2005 e pagou a maior parte das obrigações com o Fundo Monetário Internacional (FMI). Uma segunda reestruturação ocorreu em 2010.

Segundo o Clube de Paris, a Argentina irá retomar os pagamentos atrasados de modo "flexível", começando com um mínimo de US$ 1 15 bilhão a ser pago até maio de 2015. O próximo pagamento será em maio de 2016. A implantação do acordo pelo governo argentino será crucial, alertou o texto.

"A realização do pagamento inicial sob um compromisso formal da Argentina para liberar completamente os atrasos é um passo necessário e importante para a normalização das relações financeiras entre os credores do Clube de Paris e a Argentina", disse o comunicado.

O anúncio veio depois de dois dias de encontros com a delegação argentina, liderada pelo ministro da Economia, Axel Kicillof.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.