• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Emprego » Nelson Barbosa diz que desoneração da folha é "a coisa certa"

Agência Estado

Publicação: 26/05/2014 17:26 Atualização: 26/05/2014 20:05

A presidente Dilma Rousseff fará a coisa certa se prorrogar por mais um ano a desoneração da folha de pagamento, disse nesta segunda-feira (26) o ex-secretário-executivo do Ministério da Fazenda e professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Nelson Barbosa. Há previsão, de acordo com o ex-secretário, é de que Dilma anuncie na próxima semana a prorrogação da desoneração.

Segundo Barbosa, a presidente fará a coisa certa porque, a despeito da desoneração, a receita do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) está prevista para crescer 12,9% neste ano. "Se retirar dessa taxa de crescimento as compensações do Tesouro Nacional, a arrecadação do INSS vai crescer perto de 8%" disse Barbosa, que participa neste instante do Seminário Indústria e Desenvolvimento Produtivo do Brasil, organizado em São Paulo pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) e pela Escola de Economia em São Paulo (EESP), ambos da FGV.

Outro ponto que na avaliação de Barbosa justifica a prorrogação da desoneração da folha de pagamento é temporal. "É cedo ainda para decretar se a desoneração foi um sucesso ou um fracasso", avaliou.

Sobre a carga tributária, Nelson Barbosa disse que ela tem que ser compatível com os serviços que a sociedade demanda do Estado. Para ele, hoje o maior problema do Brasil é a complexidade da tributação e não a carga.

"Duas reformas podem simplificar o sistema tributário e aumentar substancialmente a competitividade: PIS/Cofins e ICMS, em ações horizontais. Essas reformas custarão apenas 0,3% do Produto Interno Bruto (PIB)", disse Barbosa, lembrando que as manifestações estão por aí, dizendo que o povo quer mais serviços públicos de qualidade. "Para isso (atender as demandas sociais), precisamos de superávit primário", disse.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.