• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Projeto » Obra da Transposição atinge 10 mil trabalhadores e chega perto dos 60%

Publicação: 28/04/2014 16:23 Atualização: 28/04/2014 17:06

Mais de 10 mil pessoas já atuam na obra. Eixo Norte, inclusive, tem atividades 20 horas por dia (Ministério da Integração/Divulgação)
Mais de 10 mil pessoas já atuam na obra. Eixo Norte, inclusive, tem atividades 20 horas por dia
A obra da Transposição do Rio São Francisco atinge um efetivo de 10.100 trabalhadores atuando ao longo dos 477 km de extensão das obras e a obra chega perto dos 60% de execução de engenharia. O prazo de conclusão de todo o projeto de integração do Velho Chico continua para dezembro de 2015, sob o orçamento de R$ 8,2 bilhões.

Com 3.140 equipamentos em operação, novas frentes de serviço em período integral também foram criadas para dar mais celeridade ao empreendimento. Em um ano, o Ministério da Integração Nacional reforçou em mais de 50% as atividades na obra do São Francisco.

Do total de mão de obra, mais de 750 profissionais trabalham diretamente nas atividades de fiscalização, supervisão e gerenciamento do projeto. Os trechos das obras que passam pelos municípios pernambucanos de Salgueiro e Cabrobó; de Brejo Santo, Jati e Mauriti, no Ceará; e pela cidade paraibana de São José de Piranhas estão com atividades 24 horas por dia. Estas cidades estão inseridas nas três metas de execução do Eixo Norte.

De janeiro a abril deste ano, houve um acréscimo de mais 1.300 profissionais no maior empreendimento hídrico do país. O Ministério da Integração Nacional também prevê a ampliação dos trabalhos noturnos no São Francisco. "No Eixo Norte, em quase todas as frentes, nós estamos trabalhando em dois turnos. A partir de maio isso ocorrerá também no Eixo Leste, com mais frentes de serviço 24 horas", assegura o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira.

O Projeto de Integração do Rio São Francisco faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Formado por dois canais que somam 477 quilômetros lineares, o empreendimento envolve a construção de 14 aquedutos, nove Estações de Bombeamento, 27 reservatórios e quatro túneis para transporte de água. A Transposição promete garantir a segurança hídrica de mais de 12 milhões de nordestinos dos estados do Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. Ao todo, 390 municípios serão beneficiados quando o projeto for concluído.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.