• (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Entrave » Ministro afirma que chuvas têm sido um problema para a obra da Transposição

André Clemente - Diario de Pernambuco

Publicação: 10/04/2014 20:19 Atualização: 10/04/2014 21:09

Túneis foram visitados com presença dos ministros.  (Ministério da Integração/Divulgação)
Túneis foram visitados com presença dos ministros.
Apesar de trégua na estiagem, as chuvas não têm sido aliadas na celeridade que o governo federal quer dar às obras de construção da Transposição do Rio São Francisco. Em visita aos trechos em obras, nesta quinta-feira, o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, destacou os entraves no percurso. "O andamento da obra está conforme o esperado, mas as chuvas de março (e início de abril) têm atrapalhado um pouco. De chuva a gente não pode reclamar, principalmente depois de dois anos de seca total. É importante que a chuva recarregue os reservatórios e assegure a colheita para o semiárido", pontuou.

Teixeira complementa: "mas tem esse lado que atrapalha, principalmente as etapas de engenharia de terraplanagem. Nas Estações de Bombeamento 2 e 3, por exemplo, acumula água nos aterros, além dos canais. Março tem sido problemático nesse sentido, principalmente no Eixo Leste, em Cabrobó e no Sertão do Cariri", pondera.

Desta vez, o ministro veio acompanhado da ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, que tem coordenado o andamento das entregas dos projetos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). "Tivemos reuniões com os agentes construtores e com os responsáveis pelo gerenciamento da obra. Revimos os cronogramas para cumprir os prazos e a ministra, que acompanhava com entusiamo a retomada das obras, veio ter a realidade in loco."

A ministra afirmou que a impressão da visita foi excelente, inclusive nos sobrevoos. "A obra é gigantesca. A engenharia nacional mostra que é capaz de fazer grandes obras de usinas hidrelétricas a canais de Transposição", elogiou. "Viver essa obra é diferente de foto. No sobrevoo, percebemos os canyons que são formados com os canais. Vamos acelerar e verificar o que já vai ser entregue ainda neste ano", complementou. Os ministros estiveram presentes nos principais trechos do Eixo Norte – formado pelas Metas 1N, 2N e 3N. Nesta sexta-feira (11), o monitoramento ocorrerá no Eixo Leste.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: jurandi sousa
É, Realmente a mentira e a falta de vergonha é grande na cara desses petralhas e aliados. As obras a passos de tartaruga e recheada de corrupção que não anda e ainda falam de inauguração neste ano. Xô PETRALHAS. | Denuncie |

Autor: Antonio neto
É muita cara de pau, a obra está um século atrasada e o ministro Zé Mentirinha vem por a culpa na chuva. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.