• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Fusão » Santander compra a empresa de processamento GetNet, por R$ 1,1 bilhão

Rosana Hessel -

Publicação: 07/04/2014 16:18 Atualização:

O Santander Brasil anunciou nesta segunda-feira a compra de 100% da GetNet, uma das maiores empresas de captura e processamento de transações eletrônicas do país. O valor do negócio é de R$ 1,1 bilhão e a instituição aguarda a aprovação das autoridades competentes para concluir a operação e iniciar o processo de integração. Nesse processo será criada a Santander GetNet Serviços, cuja composição acionária terá 88,5% de participação do banco espanhol e 11,5% dos antigos proprietários da empresa brasileira.

A compra envolverá o pagamento de R$ 1,02 bilhão na data do fechamento da operação, e R$ 84 milhões em cinco parcelas anuais, conforme o comunicado do banco. O negócio precisa ser aprovado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e pelo Banco Central do Brasil. A expectativa dos executivos do banco é que o processo seja concluído até o final do primeiro semestre de 2015 e, no terceiro trimestre, a nova companhia já apareça nos balanços da instituição financeira.

“Essa aquisição parte do core business do banco nos negócios voltados para micro e pequena empresa. Nosso objetivo é continuar crescendo acima da média do mercado e integrar a oferta de serviços de operações de compras com cartão, recarga de celular e bilhetagem”, afirmou o vice-presidente de Desenvolvimento de Novos Negócios do Santander, Pedro Coutinho. “Essa operação nos garantirá uma vantagem competitiva importante e a Get Net tem potencial e infraestrutura para crescer até 10 vezes a capacidade atual de transações”, afirmou.

A operação da GetNet movimentou R$ 42 bilhões em 500 milhões de transações no ano passado. As duas instituições possuíam uma joint venture desde 2010, quando o Santander entrou nesse mercado. A estratégia é competir diretamente com a líder do segmento, a Cielo. A compra atual é uma forma de diversificação da instituição bancária no país, que detém 6% do faturamento do mercado de transações entre o varejo e a bandeira de cartão de crédito.

De acordo com Coutinho, o investimento é um reforço do compromisso do banco com o país. “Esse é um sinal de que o banco continua investindo no país e reforça a atuação com oferta integrada para pequenas, médias e grandes empresas, com um novo leque de serviços. O executivo garantiu que a sinergia das operações não provocará demissões. Atualmente, a operação de transações eletrônicas do banco espanhol possui 60 funcionários e a da GetNet, outros 2,7 mil trabalhadores. Ele espera que participação de mercado do banco aumente com a aquisição em um ritmo superior a 10% ao ano. As operações do Santander no Brasil crescem em ritmo superior ao da sede na Espanha. “Estamos prontos para conquistar mercado e vamos crescer. A aquisição gera novas oportunidades e reforça o objetivo de ampliar nossa operação no País, tanto de forma orgânica como inorgânica”, disse.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.