• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Ecommerce » Design exclusivo e acessível na casa dos pernambucanos Os sites de móveis e decoração viraram uma febre nos últimos anos. Na rede, fervilham ideias bacanas para dar um "tapa" no visual de sua casa. Mas o Muma é o primeiro com DNA local

Augusto Freitas

Publicação: 21/03/2014 13:00 Atualização: 21/03/2014 00:05

Os empresários Matheus Ximenes (ao fundo) e Murilo Bernardes (cadeira branca) reforçam que faltava no mercado local uma ferramenta especializada neste comércio. Foto: Divulgação
Os empresários Matheus Ximenes (ao fundo) e Murilo Bernardes (cadeira branca) reforçam que faltava no mercado local uma ferramenta especializada neste comércio. Foto: Divulgação

Que tal comprar uma poltrona pela internet que, nas lojas físicas, chega a custar quase 40% mais caro? E se ela for assinada por um dos designers mais badalados do mercado? Parece piada ou anúncio de produto “genérico”, mas não é. O mercado de decoração anda tão aquecido que o Recife acaba de ganhar um site exclusivo de e-commerce do segmento, cujo diferencial está justamente na originalidade e valores das peças.

A loja virtual se chama Muma e já estava legalmente registrada há cerca de um ano, mas somente este mês deu as caras de forma oficial no comércio virtual. A empresa, fruto de uma parceria entre os empresários Matheus Ximenes e Murilo Bernardes, surgiu por conta da carência no mercado local de uma ferramenta especializada em vender móveis e acessórios de design na web. Detalhe: todos assinados por renomados designers nacionais e internacionais.

A proposta do negócio na internet é inovadora e se apresenta na modalidade “on demand”. Entenda-se pelo termo a venda de produtos disponíveis em estoque, prontos para entrega, ou seja, conforme a demanda do mercado. Inicialmente, a Muma tem um portfólio de 200 produtos em estoque, mas a previsão dos diretores é de que nos próximos três meses esse número chegue a 400 itens. Mas o que o consumidor ávido por um ambiente alegre vai encontrar na Muma?

“A variedade é extensa e os interessados vão encontrar artigos para sala, cozinha, quarto e banheiro, como mesas, cadeiras, poltronas, relógios de parede, porta-retratos, ou seja, objetos decorativos e de utilidades domésticas”, explica Matheus Ximenes. Outro diferencial, segundo ele, é o prazo de entrega. “Será feita para todo o país, mas acreditamos que por estar no Nordeste a empresa terá um diferencial competitivo. Para o Recife, por exemplo, os produtos existentes no estoque têm prazo de entrega de até 48 horas.”

De acordo com Ximenes, entre os profissionais parceiros consagrados no mercado de design estão os paulistas Edu Bertolini e Humberto da Mata, a pernambucana D.uas Design, a curitibana Desfiacoco e a catarinese Artefama. O mercado internacional é representado, entre outros, pela canadense Umbra, o inglês Thomas Heatherwick e o italiano Alessandro Mendini. Todas as peças são oriundas de países como Canadá, Inglaterra, Itália, Estado Unidos e Venezuela, entre outros. No Brasil, Paraná, São Paulo e Santa Catarina são alguns parceiros.

A ideia de oferecer um canal direito de venda de móveis e acessórios para decoração na web não surgiu por acaso, como pontua Ximenes. “Estes gêneros devem levar o setor à quinta posição no ranking de vendas da internet este ano”, diz. A previsão é reforçada pelo instituto Ibope, onde um estudo realizado em 2013 apontou uma ascensão de usuários de internet no Brasil de mais de 100 milhões de pessoas, elevando o Brasil ao terceiro lugar no ranking mundial de internautas. Traduzindo, mais crescimento para o e-commerce brasileiro.

Os número vão mais além. Dados da consultoria e-Bit mostraram um acréscimo de 25% no faturamento anual do comércio eletrônico em 2013, o equivalente a um total de vendas de R$ 28 bilhões. Somente no primeiro semestre do ano passado, o e-commerce ganhou cerca de 3,98 milhões de novos consumidores. A previsão da consultoria é que mais de 51 milhões de brasileiros comprem pela internet em 2014, gastando, em média, entre R$ 101 e R$ 300.


Descontos e testes

Além de oferecer alternativas de peças originais que não são encontradas em todas as lojas do setor, a Muma quer fisgar o consumidor pelos descontos, bastante camaradas. Some a isso a particularidade de que todos os produtos vendidos no portal eletrônico são assinados por designer, brasileiro ou estrangeiro. Trocando em miúdos, ver e sentar naquela poltrona que você estava paquerando há tempos pode ser mais barato do que você imagina.

“No Recife, não há uma loja onde podemos dizer que os valores dos produtos deste gênero são acessíveis. A nossa ideia ao criarmos a Muma é poder oferecer aos consumidores que apreciam uma decoração diferenciada descontos que giram em torno de 40% do que é cobrado no comércio tradicional, com a garantia da qualidade e prazo de entrega atrativo”, ressalta Matheus Ximenes. Se você ainda assim não estiver satisfeito ou for daqueles desconfiados com o comércio virtual, pode conferir a qualidade das peças in loco.

Ximenes destaca que o escritório da empresa, localizado no bairro de Casa Forte, abre as portas aos consumidores para conferir e testar os produtos de seu interesse. “O mercado de decoração tem crescido cada vez mais e uma das provas é o surgimento de blogs exclusivos sobre esse nicho. Não queremos apenas vender, e sim aproximar os consumidores da nossa proposta, com a chance de testar as peças vendidas”, completa. Falando em web, a Muma também dispõe de uma fanpage no Facebook (facebook.com/mumacombr) para divulgação dos produtos e novidades. Ficou curioso? O endereço virtual é o www.muma.com.br. Novidades te esperam lá.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.