• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Montadora japonesa » Toyota suspende produção de carros na Índia por conflitos em suas fábricas

AFP - Agence France-Presse

Publicação: 17/03/2014 11:07 Atualização:

A principal montadora do mundo, Toyota, anunciou nesta segunda-feira (17) a suspensão da produção de veículos na Índia, devido a sérios conflitos em suas duas fábricas, localizadas no sudoeste do país.

Em um comunicado, o grupo japonês explica que, há um mês, são registradas "detenções deliberadas da cadeia de montagem, e intimidações e ameaças aos funcionários" de médio escalão e diretores da empresa.

As duas usinas de montagem são as únicas que a Toyota possui na Índia: localizadas perto de Bangalore, no estado de Karnataka (sudoeste), empregam no total 6.400 pessoas e dispõem juntas de uma capacidade de produção anual de 310.000 veículos.

A suspensão das operações do grupo japonês neste país, o segundo mais populoso do planeta, decidida no domingo, se tornou efetiva nesta segunda-feira, explicou um porta-voz da empresa em Tóquio, esclarecendo que ninguém ficou ferido durante a agitação, e ressaltando que o grupo espera retomar a produção assim que as condições permitirem.

"A direção e o sindicato (de ambas as fábricas) negociam uma lista de reivindicações há dez semanas. Como não houve nenhum acordo bilateral, a administração do Trabalho do estado de Karnataka organizou sete reuniões entre as três partes tentando alcançar um acordo. Estes esforços conciliadores não prosperaram", afirmou a Toyota em um comunicado.

Segundo o construtor, os problemas observados em ambas as fábricas foram instigados pelos sindicatos dos trabalhadores locais de maneira paralela às negociações. "Neste contexto, a empresa não tem outra opção a não ser declarar o 'lock-out' das usinas, para garantir a segurança de seus funcionários e da equipe diretora", concluiu a empresa japonesa.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.