Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Contra apagões » Governo vai exigir transmissão de energia "padrão Fifa" durante a Copa

Agência O Globo

Publicação: 05/02/2014 18:39 Atualização:

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) exigirá uma espécie de "padrão Fifa" na operação das empresas de transmissão de energia elétrica que servirão às cidades-sede da Copa do Mundo. O modelo de operação dessas empresas será diferenciado durante o evento, com cuidados especiais para atender às instalações que atendam ao torneio.

A agência considera que, como a Copa requer execução de ações preventivas e medidas especiais que garantam a conformidade e continuidade da prestação dos serviços públicos de transmissão de energia elétrica, é "necessário determinar a disponibilização e cumprimento de planos de manutenção específicos".

A nota técnica da agência editada na sexta-feira passada indica que é competência da sua Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade (SFE) "a adoção de ações que procurem garantir o atendimento aos padrões de qualidade e segurança compatíveis com as necessidades específicas de cada agente".

A agência solicitou que as transmissoras entreguem até o dia 26 deste mês esses planos de manutenção para garantir a qualidade do fornecimento durante o evento. "Todas as ações de manutenção preventiva e corretiva deverão ocorrer até a data de 30 de maio", segundo o despacho da agência de sexta-feira.

A nota técnica editada pela Aneel aponta as premissas que deverão orientar esses planos de manutenção, com base em despacho do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) do dia 17 de janeiro. Para a Copa, o ONS indica no documento quais são exatamente as subestações consideradas "instalações relevantes para a segurança elétrica das capitais de estado".

Uma das premissas indicadas pela Aneel para elaboração dos planos de manutenção para a Copa é a oferta de equipamentos sobressalentes para priorizar a disponibilidade das instalações relacionadas ao evento.

O mesmo sistema de adoção pela Aneel de contingências especiais para o período da Copa foi adotado também junto às distribuidoras de energia elétrica. Para elas, o padrão foi similar àqueles cuidados especiais adotados durante o verão, quando há demandas específicas para o sistema elétrico, diferentes do resto do ano.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »