Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Imposto » Redução de 4,62% no IPVA é a quinta consecutiva

André Clemente - Diario de Pernambuco

Publicação: 31/12/2013 09:45 Atualização:

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) ficará, em média, 4,62% mais barato em 2014. Trata-se da quinta queda consecutiva do tributo, resultado da depreciação dos carros usados e que reduz o valor de venda dos veículos. O valor venal é divulgado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e é base para incidência das alíquotas que formam o imposto. Segundo o diretor de IPVA da Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz-PE), Julio Lossio, os benefícios de redução de impostos nacionais também foram condicionantes para a redução.

“Com a queda do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para os novos, o preço foi reduzido, favorecendo a queda também dos usados”, destaca. “Vale esclarecer que o percentual é médio. Alguns veículos podem ter 0,2% de redução do IPVA, por exemplo. É o caso da Hilux, que está fora da faixa popular beneficiada pelo benefício”, reforça. “Com o fim da redução do IPI para 2014, o imposto não deve subir em 2015, mas ter redução quase zero”, prevê.

A partir desta quinta-feira, os proprietários já poderão consultar e emitir (www.detran.pe.gov.br) o Documento de Arrecadação Estadual (DAE). Os boletos chegarão à residência do proprietário parcelado em três vezes. Quem pagar em cota única terá desconto de 5%, mas deverá emitir a guia diretamente no site. As alíquotas que formam o valor do imposto são de 1% para ônibus e caminhões, de 2% para motocicletas e de 2,5% para o restante, que reúnem automóveis e caminhonetes.

A frota total atual cadastrada no Detran em Pernambuco é de 2,4 milhões. O governo espera arrecadar R$ 750 milhões com o IPVA 2014. O montante supera os R$ 660 milhões do balanço levantado em 2013. “O crescimento esperado é devido, também, ao crescimento da frota previsto para o ano que vem”, disse Lossio.

As taxas que formam o IPVA são a de licenciamento, de bombeiros e o DPVAT (seguro obrigatório). Este último também poderá ter o pagamento dividido em até três cotas. Porém, como em 2013, quem desejar fazer o parcelamento deverá imprimir pela internet, mas, neste caso, no site www.megadata.com.br, não podendo a parcela mínima ser inferior a R$ 70. “O valor do DPVAT precisa ser mínimo de R$ 210. A maioria dos carros não chega a esse valor, apenas as motocicletas”, esclarece o diretor de IPVA da Sefaz-PE, Julio Lossio. O valor mínimo de IPVA, para veículos com mais de 15 anos de fabricação, é de R$ 36, para motos, e R$ 60 para os demais.

 (Editoria de Arte/DP)


Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »