Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Carreira » Investir no capital intectual para lucrar no próximo ano Aplicar em fundos, ações, Tesouro Direto e afins não são as únicas formas de se multiplicar a renda no próximo ano. Que tal turbinar sua carreira para crescer na empresa ou montar um negócio?

Sávio Gabriel - Especial para o Diario

Publicação: 29/12/2013 14:00 Atualização: 29/12/2013 15:28

O analista de sistemas Diego Von Söhsten, 22, está terminando o mestrado e possui cinco certificações nas áreas de Tecnologia da Informação (TI). Pretende tirar outras. Foto: Ricardo Fernandes/DP/D.A Press
O analista de sistemas Diego Von Söhsten, 22, está terminando o mestrado e possui cinco certificações nas áreas de Tecnologia da Informação (TI). Pretende tirar outras. Foto: Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

O ano está quase no fim, e é provável que você já tenha feito planos para 2014. Mas antes da virada, você já planejou como será a sua carreira no ano que vem? Fez um balanço das suas conquistas profissionais neste ano? Analisou o que deu certo e o que deu errado? Caso não, é bom ir pensando. Isso porque a iniciativa só vai trazer benefícios para a sua vida profissional. Otimização de tempo e o melhor aproveitamento das oportunidades que surgem são alguns deles.

Leia mais sobre cursos, concursos e empregos no portal Admite-se

O analista de sistemas Diego Von Söhsten que o diga. Com 22 anos, ele está terminando o mestrado e possui cinco certificações nas áreas de Tecnologia da Informação (TI) e gestão de projetos. “Costumo fazer esse balanço da carreira desde 2009. Na verdade, eu me planejo durante todo o ano, mas nos últimos meses esse processo se intensifica”, explica, citando que o setor de TI é muito dinâmico, o que exige uma agilidade maior dos profissionais. “Você precisa ficar atento a tudo o que acontece para aproveitar melhor as oportunidades”, diz.

O coach e consultor de RH Jairo Martiniano lembra que a velocidade de sua ascensão profissional também depende de ideias e projetos inovadores. Foto:  Nando Chiappetta/DP/D.A Press
O coach e consultor de RH Jairo Martiniano lembra que a velocidade de sua ascensão profissional também depende de ideias e projetos inovadores. Foto: Nando Chiappetta/DP/D.A Press
Diego afirma que todas as conquistas são fruto desse balanço. “No fim de 2010,  tinha um planejamento de prospectar clientes para abrir uma empresa. Durante todo o ano de 2011, consegui fazer isso e, em 2012, a empresa foi inaugurada”, exemplifica. No começo de 2013, o negócio foi encerrado. “Isso não estava nos planos, mas é sempre importante tirar aprendizado de todos os momentos.” Apesar disso, o balanço do ano foi positivo, já que ele conseguiu uma certificação que estava desejando. Para 2014, Diego pretende obter outras certificações, além de terminar o mestrado e atuar na função de gerente de projetos.

A gerente de Recursos Humanos (RH) da Nagem, Betânia Cabral, ressalta que o balanço profissional é importante na vida de qualquer profissional. “O ideal é que se comece o processo analisando se os planos traçados foram concretizados. Se nada aconteceu como o esperado, é de extrema necessidade que a pessoa veja quais foram os motivos”, diz. Além disso, é preciso levar em conta os aprendizados que os acontecimentos proporcionaram.

Betânia acredita que poucos profissionais têm a iniciativa de fazer esse balanço profissional. “A região Nordeste tem sido o celeiro de várias oportunidades nos últimos anos, e as pessoas precisam ser preparar para aproveitá-las”, enfatiza, acrescentando que 70% do sucesso profissional são de responsabilidade do trabalhador. “Os 30% restantes são referentes aos fatores externos”, diz.

Ascensão profissional em menos tempo
“Quem tem esse hábito consegue subir na carreira em um tempo menor em relação às pessoas que não o fazem”, explica o coach e consultor de RH Jairo Martiniano. Ele lembra que há profissionais com menos tempo de empresa que conseguem ser promovidos mais rapidamente que aqueles que estão há mais tempo. “Se você não se planeja, não aproveita as oportunidades. Hoje as pessoas infelizmente ainda deixam as coisas irem acontecendo”, atesta.

O gerente contábil Jório Buarque, 36, diz que o planejamento profissional é algo presente em sua vida. No próximo ano, quer cursar direito. Foto: Julio Jacobina/DP/D.A Press
O gerente contábil Jório Buarque, 36, diz que o planejamento profissional é algo presente em sua vida. No próximo ano, quer cursar direito. Foto: Julio Jacobina/DP/D.A Press
Há 12 anos na mesma empresa, o gerente contábil Jório Buarque, 36, diz que o planejamento profissional é algo presente em sua vida.  “Faço isso há pelo menos 10 anos e, durante esse tempo, consegui muitas coisas. Entrei na companhia como estagiário e fui galgando vários cargos”, lembra. Ele afirma, ainda, que a preparação vem antes mesmo da oportunidade surgir. “Com o planejamento, você consegue se antecipar diante das necessidades do mercado. Isso é um diferencial enorme”, explica. Durante este ano, Jório investiu em atualização. “Fiz vários cursos aqui e em outros estados. O meu cargo exige isso. Infelizmente não consegui dar início à graduação em direito, mas pretendo começá-la em 2014”, finaliza.  

Planejamento da carreira também é importante para quem já está consolidado na carreira. Afinal, mudanças sempre acontecem. Foi o caso da empresária Carol Montenegro, que passou 15 anos ocupando o cargo de gerente comercial numa multinacional, mas tinha o desejo de lecionar. “Apenas aquela rotina não me completava, eu precisava fazer algo paralelo”, lembra. Com o nascimento da filha, em 2008, ela começou a planejar meticulosamente a transição da carreira. “Vi que o mercado local tinha carências na educação de crianças. A partir daí, fiz cursos para me especializar na área, além de estudos de mercado”, explica.  

Seis meses antes de deixar o emprego, comunicou à empresa. “O planejamento foi fundamental. Sem ele eu não conseguiria ter dado um passo sequer.” Em outubro, ela inaugurou o Espaço Sementinhas, berçário localizado no bairro de Setúbal, Zona Sul do Recife.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »