Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Sondagem » Cai levememente previsão de investimento da indústria brasileira para 2014

Agência Brasil

Publicação: 10/12/2013 10:00 Atualização:

A proporção de empresas industriais que pretendem investir mais em 2014 alcançou 47%, enquanto aquelas que devem fazer menos investimentos representam 19%, de acordo com a edição de outubro-novembro de 2013, da Sondagem de Investimentos da Fundação Getulio Vargas (FGV).

A avaliação é pior do que a observada na edição de outubro-novembro de 2012, quando 50% das empresas disseram ter intenção de investir mais em 2013. O percentual de indústrias que pretendiam investir menos também piorou, já que em 2012, a proporção era de apenas 15%.

As empresas que preveem aumento do faturamento no seguinte cairam de 71% em 2012 para 64% neste ano, enquanto aquelas que projetam faturamento menor subiram de 6% para 8% no período.

Em relação às contratações, o percentual de empresas que devem aumentar seu pessoal ocupado permaneceu em 32%. Já aquelas que pretendem reduzir seu contingente de mão de obra no ano seguinte caiu, passando de 12% em 2012 para 11% em 2013.

A Sondagem da FGV também constatou que, em 2013, os investimentos em capital fixo cresceram em 40% das empresas e caíram em 25%. Em 2012, 43% haviam ampliado investimentos. Os investimentos reduzidos pelas empresas corresponderam a 28% do total.

Outros resultados obtidos pelas empresas em 2013: contrataram mais mão de obra (36%), reduziram contingente ocupado (20%), aumentaram faturamento (58%) e reduziram faturamento (20%).

Resultados de 2012: contrataram mais mão de obra (37%), reduziram contingente ocupado (23%), aumentaram faturamento (54%) e reduziram faturamento (24%).

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »