Autor do Barô é recebido com festa em escola Jarbas visitou o Colégio Apoio e não esperava que encontraria verdadeiros fãs de seus personagens

Por: Sarah Simões - Estado de Minas

Publicado em: 17/09/2015 10:38 Atualizado em: 17/09/2015 14:25

 (Paulo Paiva/DP/D.A Press)
Uma tarde de descontração com um bate papo gostoso com a criançada. O cartunista Jarbas Domingos, criador do Barô Barata, esteve nesta quarta-feira, 16, no Colégio Apoio e foi recebido por crianças ansiosas pela visita, que prepararam desenhos e fantoches dos personagens da tirinha que faz parte do caderno Diarinho.

 (Paulo Paiva/DP/D.A Press)
A presença de Jarbas aconteceu para divulgar o concurso cultural Meu Barô é um Barato (saiba mais aqui) e contar um pouco da história dos quadrinhos. O que ele não esperava era que as crianças já conhecessem tanto sobre a turma do baratão e que tivessem tanto carinho pelos personagens. “Eu me surpreendi como as crianças conhecem os personagens tão bem (que não são poucos). Perceber o quanto eles curtem as tirinhas foi incrível. Alguns fizeram marionetes inspirados nos personagens. Também fiquei muito feliz com o depoimento dos professores de como utilizam as tiras nas aulas. No final a professora Bel (quase “Mel”, a abelha da turma do Barô kkkk) pediu para as crianças resumirem o encontro em uma palavra. Legal, divertido, engraçado foram as palavras mais ditas. No meu caso eu resumiria o encontro com a palavra ‘emocionante", conta.

 (Paulo Paiva/DP/D.A Press)
Parceiro do concurso promovido pelo Diarinho, o Colégio Apoio preparou os alunos para que eles fizessem desenhos lindos e também criassem as tirinhas para participar da promoção. E, de fato, talento não faltou! Agora, fica a dica para você, que não precisa ser aluno da escola para mandar sua arte. Leia o regulamento no link do concurso e não esqueça que a tirinha precisa ter três quadrinhos e estar dentro do formato estabelecido, como a figura que disponibilizamos abaixo. Agora solte sua criatividade e mãos à obra!

 



TAGS:

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.