• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Planeta Pensando no futuro

Por: Gabriel Catunda

Publicado em: 30/07/2013 10:55 Atualizado em:

A terra é o único planeta favorável a vida humana. Mas algumas atitudes que os seres humanos estão tomando não vão destruir a terra, porém tornarão a vida aqui muito mais difícil e desconfortável.

Extinções

Existem cerca de 1,9 milhão de espécies diferentes de animais, plantas e outros organismos. Os humanos - Homo Sapiens - são apenas uma dessas espécies. Os cientistas acreditam que milhões de outras espécies ainda não foram descobertas. A maioria provavelmente é de micróbios. Muitas deles podem ser extintos antes mesmo de terem sidos descobertas por nós.

Algumas razões para uma espécie ser extinta, ou seja quando não existir mais nenhum membro vivo daquela espécie podem ser causados por uma nova doença, por mudanças climáticas, ou um animal pode se mudar para uma outra área e comer todas as presas ou plantas de uma espécie.

Os humanos e as extinções

As primeiras cinco extinções em massa tiveram causas naturais. Muitos cientistas acreditam que, agora, estamos em meio à sexta extinção em massa, causada pelos seres humanos. Muitas outras espécies foram extintas por meio da caça. Os seres humanos também extinguem espécies destruindo seus habitats. Com a derrubada de florestas para abrir espaços para agricultura e construção de cidades em campos abertos.

O que podemos fazer?

As pessoas no mundo inteiro precisam trabalhar juntas para impedir a destruição dos habitats. Mesmo que a temperatura crescente do planeta seja um fenômeno natural, podemos evitar que ela suba rápido demais se liberarmos menos dióxido de carbono na atmosfera. A utilização de novas fontes de energia também são necessárias como a energia eólica e solar. Deixar o carro em casa e preferir a bicicleta ou o transporte público são boas alternativas. Diminuir o consumismo exagerado talvez seja a ação mais efetiva. Nada de ajudar a produzir mais embalagens, garrafas e sacolas. Independente da reciclagem, os recursos naturais são escassos e um dia irão acabar.


TAGS:

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.