BRUMADINHO Ministério acompanha atendimento às famílias em Brumadinho

Por: Agência Brasil

Publicado em: 31/01/2019 11:37 Atualizado em:

Foto: Mauro Pimentel / AFP
Foto: Mauro Pimentel / AFP
O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos enviou representantes a Brumadinho, Minas Gerais, para acompanharem de perto o atendimento às vítimas e famílias atingidas pelo rompimento de barragem da mina Córrego do Feijão. De acordo com a pasta, em conjunto com os governos estadual e municipal, uma rede de voluntários foi acionada para ajudar na localização e no acolhimento dessas pessoas.

Entre os integrantes da comitiva enviada pelo ministério, estão membros da Fundação Nacional do Índio (Funai), Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SNPIR) e Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNDCA).

O órgão também está atendendo com prioridade as demandas referentes à tragédia recebidas pelos canais de denúncias Disque 100 e Ligue 180. Até a última terça-feira (29), 61 ligações foram recebidas, a maioria informando desaparecimentos.

Os canais funcionam 24 horas por dia, todos os dias da semana, incluindo sábados, domingos e feriados. As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem gratuita, de qualquer terminal telefônico fixo ou móvel (celular), bastando discar 100 ou 180.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.