Brasília Homem embriagado tenta se passar por irmão, e é desmascarado pela mãe Dirigindo embriagado e sem habilitação, ele acabou apresentando documento do irmão. Mas a mãe dele o desmentiu

Por: Alan Rios

Publicado em: 16/11/2018 13:13 Atualizado em:

Foto: Minervino Junior/CB/D.A Press
Foto: Minervino Junior/CB/D.A Press
A mãe de um suspeito ajudou a Polícia Militar a prender o próprio filho. O homem de 25 anos dirigia com sinais de embriaguez e sem documento de habilitação. Quando foi parado pela PM, ele apresentou a identidade do irmão, mas foi desmascarado por sua mãe.

Tudo aconteceu quando a polícia recebeu a denúncia de que um homem armado em um Chevrolet Corsa teria ameaçado um casal, em Planaltina. Os policiais passaram a procurar o veículo e o encontraram no bairro Estância Mestre D'Armas V. Segundo a PM, ele apresentava um hálito etílico e forneceu uma identidade suspeita. 

O homem se recusou a realizar o teste do bafômetro. Na revista ao carro, não foi encontrada a arma que teria sido usada na ameaça, e a polícia foi até a casa do suspeito para realizar uma busca em sua propriedade. A mãe dele autorizou a entrada da PM, que achou 25 munições. 
 
Ao informarem à mulher que seu filho seria levado para a delegacia, ela ouviu os militares dizendo seu nome e tratou logo de desmentir o suspeito, dizendo que aquele nome era do seu outro filho, e que o detido estava se passando por ele. O caso foi levado para a 31ª Delegacia de Polícia (Planaltina), onde ele foi preso.
 
O crime aconteceu na noite da última quinta-feira (15). O homem vai responder por falsidade ideológica, embriaguez ao volante e posse de munição. Na consulta ao sistema, a PM descobriu que ele só tinha Carteira Nacional de Habilitação para conduzir motocicletas. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.