investigação Homem é encontrado morto em pensão onde Adélio Bispo se hospedou Um morador do local acionou a Polícia Militar (PM) após encontrar o colega já sem vida. A vítima não estava com nenhum sinal de violência no corpo

Por: Estado de Minas

Publicado em: 17/10/2018 20:04 Atualizado em:

Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press (Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press
Um homem foi encontrado morto em uma pensão localizada no Bairro Paineiras, na Região Central de Juiz de Fora, na Zona da Mata. O local é o mesmo onde Adélio Bispo de Oliveira se hospedou antes de esfaquear o candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL). A vítima, identificada como Rogério Inácio Villas, de 48 anos, não apresentava sinais de violência. As causas da morte ainda serão investigadas. 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), um morador do imóvel informou que encontrou Rogério sem sinais vitais. Ele acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a PM. Um médico que esteve no local constatou a morte do homem. No quarto, segundo o registro policial, não foram encontrados indícios de violência e nem de crime. 

A testemunha contou que Rogério morava na pensão há aproximadamente três meses. Familiares estiveram na pensão e relataram que a vítima é usuária de drogas e que já esteve internado, recentemente, para tratamento de uma pneumonia. Além disse, possuía problemas cardíacos. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.