justiça Alexandre Frota é condenado a pagar R$ 20 mil a Gilberto Gil Foi julgado que Frota teria propagado "afirmações desprovidas de qualquer lastro probatório, causando danos à imagem e à honra do autor"

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 27/09/2018 14:14 Atualizado em: 27/09/2018 14:36

Fotos: Reprodução / Facebook
Fotos: Reprodução / Facebook

Ex-ator pornô e candidato a deputado pelo PSL, Alexandre Frota foi condenado a pagar R$ 20 mil ao cantor Gilberto Gil por comentários que fez em suas redes sociais. Através do Twitter, Frota publicou que Gil não pode mais "roubar livremente recursos oriundos da Lei Rouanet". 

A juíza Rafaella Ávila de Souza Tuffy Felippe, da 50ª Vara Cível do Rio, acatou o pedido do compositor no caso, afirmando que a postagem causou angústia e sofrimento para sua família.  A magistrada também julgou que Alexandre Frota teria propagado "afirmações desprovidas de qualquer lastro probatório, causando danos à imagem e à honra do autor". 

O candidato a deputado em São Paulo afirmou que seus comentários foram embasados em notícias difundidas pela mídia, nas quais colocavam à prova a origem dos recursos públicos para a fomentação da cultura. Frota ainda não indicou se recorrerá da decisão. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.