Rio Fuzil e granadas são apreendidos em ações contra o tráfico em Angra dos Reis Um criminoso foragido da justiça também foi capturado. Foram apreendidos ainda três carros e três motocicletas

Por: Agência Brasil

Publicado em: 24/08/2018 21:37 Atualizado em:

Foto: Reprodução (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução
Novas ações de varredura contra o tráfico de drogas foram realizadas hoje (24) em Angra dos Reis (RJ) pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Foram apreendidos um fuzil AK-47, seis granadas, um artefato explosivo caseiro, quatro rádios transmissores e 58 munições para pistola automática.

Um criminoso foragido da justiça também foi capturado. Foram apreendidos ainda três carros e três motocicletas.

As ações contaram também com efetivos da Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Civil e do batalhão da PM de Angra dos Reis.

O Bope tem feito operações na cidade desde quarta-feira (22). Nesse dia à noite, equipes da tropa de elite da PM entraram em confronto com criminosos e um deles morreu. Com o criminoso, a PM apreendeu uma pistola automática.

Na noite de ontem (23), policiais do Bope entraram em novo confronto com criminosos na localidade do Belém e dois deles morreram no local. Na ação, dois fuzis foram apreendidos e dois militares do Bope ficaram feridos. Os policiais foram atendidos no Hospital Geral de Japuíba, em Angra.

Hoje, 2,1 mil alunos de escolas municipais e creches ficaram sem aula durante todo o dia. Postos de saúde também não abriram para atendimento ao público por medida de segurança, devido ao confronto entre as tropas de segurança do Estado e criminosos.

Facções
 
De acordo com a PM, esses criminosos se deslocaram do Rio, após a ocupação de territórios e a implantação das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP) na capital. Duas facções criminosas do Rio, o Comando Vermelho e o Terceiro Comando Puro lutam pelo domínio do tráfico de drogas em alguns bairros de Angra dos Reis.

Como a topografia de Angra é formada por região de Mata Atlântica, é um ponto ideal para o esconderijo das quadrilhas. Cercada pelo mar e com 101 praias na Baía da Ilha Grande e com grande movimentação turística, Angra dos Reis se tornou um ponto de grande movimentação de venda de drogas para as facções criminosas do Rio.

Segundo o comando do 33ºBPM, de Angra dos Reis, policiais militares têm reforçado o patrulhamento em algumas localidades do município e atuado preventivamente diante dos confrontos entre criminosos nas comunidades do Belém e Bracuí, que ocorreram nos últimos dias.

Estado de emergência
 
O prefeito de Angra dos Reis, na Costa Verde, Fernando Jordão, após decretar nesta terça-feira (21) estado de emergência na segurança pública do município, solicitou apoio aos prefeitos das cidades de Paraty, Mangaratiba e Rio Claro na luta contra o aumento da criminalidade na região.

A ideia do prefeito é de que nos municípios vizinhos sejam implantadas barreiras da Força Nacional nos limites entre os estados.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.