Gravidez Jovem entra em trabalho de parto em UPA após negar gravidez Mulher de 21 anos compareceu à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) com dores abdominais, mas negou a possibilidade de estar grávida; momentos depois, entrou em trabalho de parto em um banheiro do local

Por: Estado de Minas

Publicado em: 17/07/2018 21:02 Atualizado em:

Uma mulher de 21 anos entrou em trabalho de parto em uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), localizada em Nova Serrana, no Centro-Oeste de Minas Gerais, nesta terça-feira. Ela negou a gravidez até o período expulsivo do parto. A mãe e o recém-nascido estão internados no Hospital São José, sediado na mesma cidade, e passam bem.

 

De acordo com a prefeitura de Nova Serrana, a jovem chegou ao local por volta das 10h e se queixava de dores abdominais. Foram realizados os primeiros atendimentos, nos quais a equipe médica levantou a suspeita de uma possível gravidez. 

 

Contudo, segundo a versão do Executivo municipal, a mãe negou prontamente a possibilidade. Ela também recusou realizar os exames solicitados para checar a gestação. 

 

Ainda na versão da prefeitura, após este primeiro atendimento, a paciente foi encaminhada à sala de medicação, onde permaneceu se queixando de dores. Posteriormente, ela passou por uma nova avaliação da enfermaria e, novamente, negou a possibilidade de estar grávida. 

 

Depois da reavaliação, a jovem se dirigiu ao banheiro da unidade, onde já se encontrava no período expulsivo do parto. Imediatamente, a prefeitura informou que foram prestados todos os atendimentos à mãe e ao recém-nascido e tudo deu certo. 

 

 

 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.