violência Soldado de 29 anos é 65º PM assassinado neste ano no Rio de Janeiro Suspeito atirou contra Rodrigo Passos Soares e um segundo policial

Por: Agência Brasil

Publicado em: 10/07/2018 10:26 Atualizado em:

Rodrigo não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Geral de Bonsucesso, no Rio. Foto: Reprodução/Facebook
Rodrigo não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Geral de Bonsucesso, no Rio. Foto: Reprodução/Facebook

O soldado da Polícia Militar (PM) Rodrigo Passos Soares morreu na madrugada desta terça-feira (10) durante uma abordagem a criminosos na Avenida Brasil, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. Segundo a PM, o policial fazia parte de uma equipe que abordou uma moto BMW com dois suspeitos, na altura de Bonsucesso.

Quando os policiais verificaram que a moto era roubada, um terceiro homem, que estava em um carro, dando cobertura à dupla de motociclistas, atirou contra os policiais com um fuzil AK-47. Dois policiais foram atingidos, entre eles o soldado, que morreu no Hospital Geral de Bonsucesso.

O outro policial, um sargento não identificado, sobreviveu. A Delegacia de Homicídios investiga o caso. O soldado é o 59º policial militar e 65º policial assassinado neste ano no estado do Rio de Janeiro. Ele estava na polícia há quatro anos e era lotado no Batalhão de Policiamento em Vias Expressas.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.