POLÍCIA Polícia Civil incinera 1,2 toneladas de drogas apreendidas no DF Entre os entorpecentes, estavam maconha, cocaína, haxixe, ecstasy, crack, LSD, rohypnol e lança-perfume

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 04/07/2018 11:37 Atualizado em:

PCDF/Divulgação
PCDF/Divulgação
A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) incinerou 1,2 tonelada de drogas na manhã de hoje, entre maconha, cocaína, haxixe, ecstasy, crack, LSD, rohypnol e lança-perfume. Todas foram apreendidas em operações da Polícia e incineradas em Ceilândia.
 
Segundo o delegado Leonardo de Castro, da Coordenação de Repressão às Drogas (CORD), a tonelada incinerada foi apreendida em operações da PCDF nos últimos dois anos. “Há um depósito onde a droga fica armazenada e à medida que ele enche, elas são incineradas”, explica. 
 
Pelo valor de mercado, a maior quantidade é de maconha, seguida de cocaína e crack. Do depósito, a droga é transportada para uma empresa que faz a incineração em Ceilândia, junto a escolta terrestre e aérea. “Somente neste ano, quase 900 prisões por tráfico foram feitas. Mais duas incinerações provavelmente serão feitas”, disse o delegado. Cada incineração leva em torno de quatro horas.
 
Ele falou ainda que os traficantes contam com o apoio da tecnologia e o uso de aplicativos para o crime. “Estamos sempre um passo atrás, mas tentando avançar ao mesmo tempo que a criminalidade, através de cursos, seminários e aquisição de softwares de inteligência”, relatou.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.