VIOLÊNCIA Bondinho do Pão de Açúcar fecha por causa de tiroteio De acordo com informações iniciais, criminosos do Morro da Babilônia tentaram fugir usando um jet ski, que estava estacionado na Praia Vermelha

Por: AE

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 08/06/2018 17:51 Atualizado em: 08/06/2018 17:54

Reprodução/TV Globo (Reprodução/TV Globo)
Reprodução/TV Globo
O bondinho do Pão de Açúcar está parado por causa de um tiroteio entre policiais e criminosos no bairro da Urca, na zona sul. Crianças do Espaço de Desenvolvimento Infantil Gabriela Mistral, no mesmo bairro, se preparavam para um passeio de bondinho e ficaram trancadas dentro das salas de aula.

De acordo com informações iniciais, criminosos do Morro da Babilônia tentaram fugir usando um jet ski, que estava estacionado na Praia Vermelha. A policia atirou para impedir a fuga.

Segundo a Polícia Militar, por volta das 8h, o Batalhão de Choque iniciou uma operação pela mata em direção às comunidades da Babilônia e do Chapéu Mangueira, Zona Sul da cidade. Os policiais se depararam com um grupo de homens armados na mata. Um policial ficou ferido nas pernas após levar estilhaços de granada. Não há informações, até o momento, sobre a identificação do PM. Informações preliminares apontam que os ferimentos sofridos por ele são sem gravidade.

Na operação, a PM apreendeu seis fuzis na mata e prenderam um dos criminosos que estavam em fuga pelo lugar. Testemunhas relataram que ao menos 20 pessoas ficaram presas no bondinho durante o tiroteio. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.